Publicidade
Sábado, 22 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

DIC afirma que garçom desaparecido morreu após levar um tiro na cabeça em Balneário Camboriú

Delegado ressalta que, a princípio, corpo estava no mesmo local há quase um mês

Carla Superti
Vale

A causa da morte do garçom Ademar Cordeiro, de 31 anos, que foi encontrado em um morro do bairro Estaleiro na manhã de quinta-feira (4) em Balneário Camboriú já foi desvendada. Segundo a Divisão de Investigação Criminal (DIC), a vítima levou um tiro na cabeça. Ademar desapareceu no dia 9 de agosto, após comemorar seu aniversário. Segundo familiares, ele foi devolver um carro que pegou emprestado, pois o dele estava na oficina, e não voltou mais para casa.

Zé Rogério/Arquivo/ND Vale
Corpo foi encontrado em penhasco de morro no bairro Estaleiro na manhã de quinta-feira (4)

 

O delegado do caso, Osnei Valdir de Oliveira, ressalta que, a princípio, tudo indica que o corpo foi deixado no local onde foi encontrado no mesmo dia do desaparecimento de Ademar. Ainda não há suspeita de quem possa ter cometido o crime. Testemunhas afirmam que o garçom foi visto pela última vez quando entrou no carro de um amigo conhecido como Borba. A mulher da vítima, Diana Benitez, afirmou para a polícia que não conhece o homem.

Leia mais: Corpo é encontrado em mata do bairro Estaleiro, em Balneário Camboriú

Arquivo Pessoal/ND Vale
Ademar tinha 31 anos. Ele deixou uma esposa e dois filhos

 

Leia mais: Garçom está desaparecido em Balneário Camboriú

Segundo o Instituto Médico Legal (IML), familiares de Ademar reconheceram o tênis que a vítima calçava ainda durante a quinta-feira. O corpo foi liberado pelo IML, mas retirado pela família apenas na manhã desta sexta-feira (5). Apesar de tudo indicar que o corpo é de Ademar, o delegado do caso revela que foi recolhido material para fazer um exame de DNA e confirmar a identidade dele.

Leia mais: Carteira de garçom desaparecido há mais de 10 dias é encontrada por crianças em Balneário Camboriú

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade