Publicidade
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Apae e Polícia Civil desenvolvem programa de cinoterapia em São Lourenço do Oeste

Cão policial Thor participa de atividades de Terapia Assistida por Animais

Redação ND
Oeste
Divulgação/Polícia Civil/ND Oeste
Cães são usados para recreação e distração das crianças da escola

 

Um programa de cinoterapia, onde cães são utilizados como co-terapeutas no tratamento físico, psíquico e emocional de pacientes com necessidades especiais, está sendo desenvolvido em São Lourenço do Oeste. 

A Polícia Civil e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) do município são parceiras no projeto de Terapia Assistida por Animais. Um cão pastor alemão de três anos chamado Thor, treinado para contenção, é um dos animais que participa dos atendimentos aos pacientes. Ele é usado para recreação e distração das crianças da escola, juntamente com um terapeuta e os guias.  

“É muito gratificante para a Polícia Civil poder contribuir com um público tão necessitado, no caso das pessoas especiais que precisam do atendimento da APAE, além de aproximar a Polícia da sociedade e mostrar o excelente trabalho que pode ser realizado”, comentou o Delegado Regional de Polícia e Coordenador do Canil, Carlos Augusto de Andrade Morbini. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade