Linhas de ônibus que atendem os morros da Capital são normalizadas após falta de escolta

Marco Santiago/ND

-02-2013-09-58-27-centro-e-ticen-fotos-marco-santiago-58-suspensao-linhas-morro-da-cruz

Os trabalhadores não descartam a possibilidade de fazer greve

 

Algumas linhas que atendem os morros de Florianópolis foram suspensas no começo da manhã desta quarta-feira porque a escolta da Polícia Militar começou atrasada, segundo Sindicato de Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros da Grande Florianópolis (Setuf).

Moradores e trabalhadores que pegariam a linha Morro da Cruz por volta das 8h no centro da cidade ficaram sem o serviço. Valdir Gomes, presidente do Setuf, explicou que as linhas não saíram do terminal devido à falta de policiamento, que já foi regularizado.

A Polícia Militar afirmou que continuará fazendo as escoltas das linhas com maior vulnerabilidade.

Paralisação

Nesta quarta-feira, às 16h, representantes dos trabalhadores e empresários se reúnem com a Secretária de Transporte para definir novas estratégias para o funcionamento do serviço em Florianópolis.

O diretor do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Urbano da Grande Florianópolis (Sintraturb), Dionísio Linder, explicou que a categoria está propensa a cruzar os braços. “Os funcionários estão com medo e pretendem fazer uma paralisação caso o esquema de segurança não seja ampliado”, afirma Dionísio.

Cidade