Comunidade ajuda a desencalhar filhote de baleia na Armação, em Florianópolis

Um filhote de baleia foi desencalhado com ajuda da comunidade na Armação do Pântano do Sul, em Florianópolis, na tarde deste domingo (5). O animal já estava na praia desde esta manhã e não conseguia retornar ao mar sozinho. Por volta das 16h, já não era mais possível ver o filhote da praia. Ainda não há informações sobre a espécie da baleia.

Outra baleia juvenil foi encontrada morta na praia dos Ingleses, em Florianópolis, na manhã deste domingo. O animal era da espécie baleia-de-Bryde (Balaenoptera brydei) e tinha cerca de sete metros de comprimento. Uma equipe de biólogas e veterinárias da associação R3 Animal, através do PMP-BS (Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos), foi até o local e isolou a área.

Equipe fará a necropsia do animal no local para tentar identificar qual a causa da morte - Emanuel Ferreira/R3Animal
Equipe fará a necropsia do animal no local para tentar identificar qual a causa da morte – Emanuel Ferreira/R3Animal

Será realizada a necropsia do animal no local para tentar identificar qual a causa da morte. A área continuará isolada até esta segunda-feira, quando o animal será enterrado com o apoio da Intendência da Prefeitura de Florianópolis no Norte da Ilha e da PMA (Polícia Militar Ambiental).

De acordo com a R3 Animal, a Baleia-de-Bryde é uma espécie que habita águas tropicais e subtropicais de todos os oceanos, tanto em áreas costeiras como oceânicas. Os animais dessa espécie apresentam corpo longo e estreito e uma pequena nadadeira dorsal.

Cidade