Após problema em ônibus, guincho 24h passa a operar na cabeceira das pontes, na Capital

Atualizado

Três dias após um problema mecânico em um ônibus, na entrada da Ilha, provocar um congestionamento intenso em toda Grande Florianópolis, um caminhão guincho foi disponibilizado pela prefeitura de Florianópolis para operar 24h na cabeceira das pontes Pedro Ivo Campos e Colombo Salles. O veículo chegou ao local às 8h desta quinta-feira (14).

Guincho ficará disponível 24h na cabeceira das pontes – PMF/Divulgação/ND

O caminhão guincho, conforme a prefeitura, tem capacidade para a remoção de veículos pesados. Ele ficará posicionado na cabeceira continental das pontes durante a manhã e, à tarde, será deslocado para a cabeceira da Ilha.

Ainda pela manhã, um outro problema mecânico complicou o trânsito na SC-401, rodovia que leva ao Norte da Ilha. Até as 7h45, o veículo continuava parado na pista, provocando lentidão até o Elevado do CIC. Segundo a prefeitura da Capital, o novo guincho também poderá ser mobilizado para resolver situações do tipo.

Após o problema que atingiu o ônibus na segunda-feira (11), o prefeito Gean Loureiro determinou que fosse feito um chamamento público para a contratação de uma seguradora, responsável por disponibilizar o serviço de guinchos, para veículos leves e pesados. Como contrapartida do acordo com a prefeitura, a empresa poderá explorar a publicidade de sua marca ao longo das pontes.

Mais conteúdo sobre

Trânsito