Publicidade
Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 17º C

Companhia de Teatro de Joinville realiza turnê por cidades de Santa Catarina e do Paraná

Dionisios percorrerá quatro cidades com três espetáculo

Alexandre Perger
Joinville
Enéas Lopes/Divulgação/ND
Amor por Anexins é uma das três peças que o grupo levará na bagagem

Com três peças na bagagem, a companhia Dionisos Teatro, de Joinville, cai na estrada a partir de hoje. O primeiro destino é Pomerode, a primeira das quatro cidades de Santa Catarina e do Paraná pelas quais o grupo passará até o dia 6 de abril. Na parada inicial, estão agendadas seis apresentações até domingo. As próximas cidades serão Concórdia e as paranaenses Ponta Grossa e União da Vitória.

As 24 apresentações que serão feitas nessas quatro cidades serão realizadas com o patrocínio do Ministério da Cultura e da Funarte (Fundação Nacional de Artes). O valor destinado para bancar a turnê é de R$ 100.000, aprovado em edital público. Algumas apresentações serão gratuitas e em outras será cobrado R$ 20.

Essa turnê tem um significado especial para a Dionisos. “Entardecer”, “Frankenstein, Medo de Quem?” e “Amor por Anexins” foram montadas com recursos por editais da própria Funarte. “Isso significa que ainda estamos com esses trabalhos, que eles renderam e estamos apresentando para a comunidade”, diz a atriz e integrante do grupo, Andreia Malena Rocha.

Para os grupos catarinenses, segundo a atriz, é difícil conquistar o prêmio da Funarte. Por isso, ela destaca a importância de conseguir essa verba para o grupo e para a cidade. “É bom para Joinville e para a gente, reconhece o valor do nosso trabalho”, ressalta Andreia.

As três peças buscam resgatar valores humanos, abordando a violência sofrida pelas crianças, o abandono, a falta de valorização dos idosos e também o amor. “São espetáculos envolventes”, comenta a atriz. Em “Entardecer”, a preocupação é com a valorização dos idosos. “Hoje, nós fazemos assistencialismo, mas eles querem atenção”, reflete. Nesse contexto, é trabalhada também a memória dessas pessoas.

Já em “Frankenstein, Medo de Quem?”, o objetivo é tratar dos diversos tipos de violência que as crianças sofrem nos espaços onde estão inseridas, inclusive dentro da escola, com o bullying. “Queremos passar para as crianças e jovens a ideia de que nem todo mundo é igual, de que existe o diferente, a diversidade”, explica. Para esse e outros públicos, a mensagem é de que respeitem os idosos e os reconheçam.

Além de todas as mensagens a serem passadas, a Dionisos quer divertir o público dessas quatro cidades por onde passarão. Em Pomerode, a expectativa é boa, baseada em outras experiências do grupo. “Já fomos bem recebidos lá”, lembra Andreia. Essas cidades foram escolhidas pela estrutura que oferecem para a montagem desses espetáculos.

 

Apresentações

Confira a agenda em Pomerode

Espetáculo: “Amor por anexins”

Quando: 13 e 14/3

Onde: Grupo de Terceira Idade do Caps e Grupo de Terceira Idade de Pomerode

Informações: 47/3387-6801 / 9604-6691

Quanto: gratuito

 

Espetáculo: “Entardecer”

Quando: 13 e 14/3, às 20h

Onde: Teatro Municipal de Pomerode

Quanto: R$ 20 (meia entrada para estudantes, idosos e professores, mediante identificação)

 

Espetáculo: “Frankenstein – Medo De Quem?”

Quando: 15 e 16/3 às 16h

Onde: Teatro Municipal de Pomerode

Quanto: R$ 20 (meia entrada para estudantes, idosos e professores mediante identificação)

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade