Publicidade
Sábado, 17 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Servidores de Poder Judiciário em Joinville aderem à greve estadual

Somente os procedimentos considerados imprescindíveis continuarão a ser realizados no Fórum local

Suellen Dos Santos Venturini
Joinville
Maiara Bersch/ND
Servidores do Judiciário realizaram protesto na frente do Fórum de Joinville nesta sexta-feira (10)

 

Os servidores do Poder Judiciário de Joinville aderiram à greve estadual que teve início nesta quinta (9). A categoria reivindica a apresentação do texto do plano de cargos e salários na Assembleia Legislativa. “A principal (reivindicação) é conversar com o Tribunal, porque não existe comunicação com eles. A segunda é o reajuste salarial”, disse Marcos Moreira, analista jurídico do Fórum de Joinville. Segundo os servidores, o aumento de salário não supera a inflação desde 2004.

Nesta sexta (10), dezenas de servidores vestiram roupas pretas e levantavam faixas a favor do movimento do lado de fora do Fórum. Eles cruzaram os braços na quinta (9) e asseguram que a tendência é que o movimento cresça na cidade, a exemplo de outros municípios como Blumenau, que tem 95% dos servidores do Fórum em greve. O levantamento de quantos servidores aderiram em Joinville ainda está sendo feito, mas os grevistas estimam que 45% tenham aderido na comarca. São funcionários dos serviços gerais, oficiais de justiça e técnicos judiciários. O movimento afeta os trabalhos no Fórum. “É importante salientar que todo o trabalho de urgência está sendo feito. O que não está nesta categoria está paralisado”, disse Moreira.

Atendimentos de casos de perigo iminente à sobrevivência, à saúde ou à segurança da população devem ser realizados. Cada comarca decide quais os casos serão considerados inadiáveis. Os servidores de Joinville aguardam a visita de um representante do Sinjusc (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário de Santa Catarina). Na quarta (15), representantes da categoria vão à Câmara de Vereadores para expor as reivindicações.

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade