Publicidade
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Projeto criado por professora incentiva a leitura em diversos locais de Joinville

“Ler é viajar sem sair do lugar” já possui 15 pontos na cidade em que as pessoas podem ler enquanto esperam atendimento

Débora Sabino - Especial para o ND
Joinville
17/12/2016 às 13H51

Os livros sempre estiveram presentes na vida de Mariza Aparecida de Souza Schiochet. Ela conta que ler sempre foi a sua paixão. Seguindo o instinto, formou-se em Letras e fez diversas especializações, atuando como professora de Português. Em suas aulas, trabalha muito com literatura, especialmente com escritores de Joinville.

E a sua paixão pela leitura fez com que acabasse montando um curioso projeto na cidade: “Ler é viajar sem sair do lugar”. Ela conta que há oito anos, a mãe, Elvira Pavarin de Souza, hoje com 80 anos, descobriu um câncer. Marisa começou, então, a frequentar o Hospital São José, para acompanhar as sessões de quimioterapia da mãe. “Foi um baque. Ficava observando as pessoas ali, sentadas, durante horas. Era uma situação angustiante”. Inicialmente, pediu para escritores de crônicas falarem, em seus artigos sobre o setor de oncologia do hospital, a fim de divulgar um pouco mais sobre sua experiência.

Publicações ajudam a preencher o tempo nas salas de espera - Diulgação/ND
Publicações ajudam a preencher o tempo nas salas de espera - Diulgação/ND



Porém, suas ideias foram além. Ela decidiu colocar no local uma caixa de leitura. Pediu autorização aos responsáveis pelo local, e foi atendida. Colocou, então, uma caixa com vários livros. Mariza sempre comentava sobre o projeto pedia apoio aos alunos da escola onde trabalha, o CAIC Professor Mariano Costa, no bairro Adhemar Garcia. Periodicamente, os alunos escrevem cartas aos pacientes que realizam quimioterapia no hospital.

Um de seus alunos resolveu apoiar o projeto e estampou dez camisetas e bonés, mas escreveu “Hemosc” ao invés de Hospital São José. “Tive, então, que procurar o órgão e pedir se poderia colocar uma caixa de leitura lá”. A partir de então, o projeto começou a crescer. Mariza foi multiplicando os locais de sua caixa de leitura. Hoje são 15 pontos na cidade e ela conta, ainda, com a participação de duas voluntárias, além do apoio financeiro de um empresário da cidade de Toledo (PR), para a confecção das caixas. Pelo menos uma vez por mês, ela vistoria os pontos, trocando livros, limpando o local e quando necessário, colocando uma nova caixa. A ideia, segundo ela, é levar a leitura principalmente a locais em que as pessoas usualmente pouco tem acesso a livros, como casas de repouso, lares de crianças, hospitais, centro para a população de rua, entre outros.

Espaço para crianças no Jardim Paraiso

Paralelamente ao projeto, Mariza colabora, também, para o Espaço Criativo Júlio Emílio Braz, no Jardim Paraíso, destinado a atividades de lazer para crianças. O projeto nasceu em uma garagem, na residência de Miriam Padilha, moradora do bairro. A professora foi convidada para realizar uma contação de histórias e acabou abraçando a causa. Todos os sábados as crianças têm atividades recreativas no local. Com o apoio de várias pessoas, foi possível adquirir novas mesas, material escolar, ampliar o ambiente que ganhou uma pintura especial. Recentemente, as crianças foram a um teatro pela primeira vez na vida. O centro de atividades acolhe cerca de 20 crianças, entre cinco e 12 anos. Para conseguir dar conta dos projetos, Mariza fala que conta com o apoio da família, voluntárias, amigos, alunos e entidades. “Estou sempre pedindo algo para manter o projeto vivo e no percurso, vão surgindo novas ideias e desafios”, finaliza.

Pontos onde funciona o projeto “Ler é Viajar sem sair do lugar”

1- Hemosc Centro de Hematologia e Hemoterapia  de   Santa Catarina

2- Casa Padre Pio

3- Centrinho Luiz Gomes ( Profis)

4- ARCD Associação de  Reabilitação da Criança

5- PAM Posto  de Atendimento Médico

6- Hospital  Regional Hans Dieter Schmidt

7- Sorveteria Paulista (bairro  Espinheiros)

8- Centro  POP  Centro de  Referência  Especializado para População em Situação de  Rua

9- Mercado Municipal de Joinville 

10- Casa de Repouso Brilho da Idade. 

11- Lar de Crianças  Dona

12  Espaço Criativo Julio Emilio Braz

13 - CENEF - Centro de Orientação da  família (voluntária Ana Ribas)

14 -  Maternidade  Darcy  Vargas ( voluntárias Ana Ribas) 

15 – Labcenter (voluntária Daniele Roedel )

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade