Publicidade
Terça-Feira, 18 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 31º C
  • 22º C

Prefeitura quer estimular boas ações para tornar Florianópolis "lixo zero" até 2020

Decreto em que o município se compromete a estimular o descarte consciente será assinado nesta sexta-feira

Viviane de Gênova
Florianópolis
05/12/2018 às 17H18

A prefeitura de Florianópolis vai  firmar nesta sexta-feira (7) um protocolo de intenções com entidades e estabelecimentos comerciais para tornar o município uma referência no descarte consciente do lixo. Um decreto em que o município se responsabiliza em ter “lixo zero” até 2020 também vai ser assinado. A intenção é dar exemplos no município para que as boas práticas sejam seguidas pela população e outros órgãos. 

De acordo com o prefeito em exercício, João Batista Nunes, a Prefeitura de Florianópolis já havia assumido o compromisso de se tornar um município “lixo zero” até 2030. No entanto, a ideia é antecipar o rótulo para que aconteça ainda na gestão do prefeito Gean Loureiro, até 2020.

“Estamos trazendo essa responsabilidade para a Prefeitura , para o nosso mandato. Vamos incentivar as práticas de boas ações na reciclagem do lixo, como na utilização de copos reutilizáveis no lugar de copos descartáveis, e em práticas do dia a dia, como trocar o talonário da multa pelo tablet, por exemplo”, comentou.

As coletas serão intensificadas nas praias durante a temporada - Flávio Tin/ND
Programa vai estimular o descarte consciente do lixo em Florianópolis- Flávio Tin/ND



 

Segundo ele, o projeto deverá ser estimulado em todos as ramificações municipais, com ações educativas também em creches,  escolas e postos de saúde. Além da assinatura do decreto pelo prefeito em exercício, cerca de oito entidades e estabelecimentos comerciais deverão se comprometer com um protocolo de intenções nos cuidados com o lixo.  

“Não adianta só a gente fazer um decreto para 2030 e não motivar a sociedade civil organizada e a iniciativa privada a entenderem também a necessidade de uma expectativa no trending turístico internacional, que quer boas práticas nas áreas ambientais, como para o selo da Bandeira Azul. A gente tem que direcionar nossas ações para mostrar para o mundo que Florianópolis é lixo zero, com boas práticas, com praias com Bandeira Azul, e assim trazer o turismo qualificado para a nossa região", finalizou.

Nesta sexta-feira (7), será realizada a assinatura do protocolo de intenções com as entidades e do decreto que antecipa a meta de lixo zero de 2030 para 2020. A assinatura ocorrerá às 14h, no gabinete do prefeito. 

Publicidade

2 Comentários

Publicidade
Publicidade