Publicidade
Terça-Feira, 19 de Junho de 2018
Descrição do tempo
  • 22º C
  • 15º C
  • #TORCIDANDBlatter ignora sanção da Fifa e chega à Rússia para ver Portugal e BrasilMAIS COPA

Operação contra tráfico em porta de colégios cumpre mandados na Grande Florianópolis

Ação ainda prendeu o suspeito de balear um falso motorista de Uber e assassinar um passageiro que estava no veículo

Colombo de Souza
Florianópolis
13/06/2018 às 17H33

A operação "Anjos da Lei", deflagrada nesta quarta-feira (13) nos três estados do Sul, tem o foco de combater o tráfico de drogas nas portas de colégios. O resultado vai ser divulgado somente nesta quinta-feira (14). Por enquanto foram apreendidas drogas em Itapema, além de haver prisão em Palhoça e detenção de dois consumidores em Florianópolis. O planejamento da ação ocorreu no mês passado com a cúpula da Segurança Pública dos três estados, na Academia da Polícia Civil em Florianópolis.

Segundo o diretor de Polícia da Grande Florianópolis, Verdi Furlanetto, a operação simultânea deveria ser deflagrada em maio, mas por causa da greve dos caminhoneiros foi transferida para esta quarta. Antes de sair para as diligências, os policiais realizaram buscas nos cartórios das delegacias de Comarca para resgatar medidas cautelares - mandados de busca e apreensão, e mandados de prisão - de suspeitos que vendem drogas para estudantes nas imediações dos colégios.

“Nossos  investigados não ficam especificamente nas portas de colégios, eles agem em geral, num raio mais amplo", contou um policial civil de Palhoça que no dia da operação capturou o suspeito de balear um falso motorista de aplicativo Uber e de matar o passageiro. Os crimes ocorreram no dia 12 de maio no bairro Nova Palhoça, município de Palhoça. Na ocasião, Jackson Baggio Lucas, que seguia no banco da frente do carona, foi morto com tiros na cabeça, e o condutor Leonardo José Schmoller atingido no abdômen.

Quando o agressor Antonio Jeremias, o Febrónio, natural do estado do Rio de Janeiro, foi capturado em Palhoça, usava tornozeleira eletrônica. Ele responde a processo por tráfico de drogas no Paraná.  

No Norte da Ilha, policiais civis detiveram dois consumidores que foram comprar drogas em morro de Florianópolis. “Eles apenas foram submetidos a termo circunstanciado e liberados”, disse o delegado Rodrigo Moretto. Segundo o policial, depoimento dos detidos será usado para investigações futuras.

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade