Publicidade
Terça-Feira, 18 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 31º C
  • 22º C

MP investiga suspeita de plágio na prova do concurso da Câmara de Joinville

Perguntas seriam similares as de concursos de outras instituições

Redação ND
Joinville

O promotor da da Moralidade Administrativa de Joinville, Renato Maia Faria, abriu um inquérito civil público na tarde desta segunda-feira (20) para apurar o possível plágio de questões na prova do concurso público da Câmara de Vereadores da cidade, realizada no último domingo (19).

Ele ouviu depoimento sobre a suspeita de que perguntas similares ou idênticas a outros concursos e de outras instituições teriam sido utilizadas pelo Ibam (Instituto Brasileiro de Administração Municipal), contratado pela Câmara de Vereadores para desempenhar o processo de seleção para 47 vagas. Mais de sete mil pessoas participaram do concurso. Segundo a assessoria, a promotoria irá estudar o caso e, nos próximos dias, deve se pronunciar.

No domingo, horas depois da realização da prova, inscritos no concurso levantaram suspeitas no Facebook. As desconfianças foram tomando grande proporção na rede social. Em princípio, o problema estaria nas provas para as vagas de jornalismo e relações públicas.

 

a prova do concurso público da Câmara de Vereadores de Joinville, realizada no último domingo
Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade