Publicidade
Domingo, 23 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

Luis Carlos Cancellier é empossado reitor da Ufsc

"Vamos trabalhar por uma universidade mais inclusiva, forte e com mais reconhecimento nacional e internacional”, afirmou no discurso de posse

Felipe Alves
Florianópolis

Luis Carlos Cancellier de Olivo foi empossado reitor da Ufsc (Universidade Federal de Santa Catarina) em solenidade na noite desta terça-feira em Florianópolis. Ele assume nesta quarta o mandato para a gestão de 2016 a 2020 ao lado da vice-reitora, Alacoque Lorenzini Erdmann. Antes mesmo de Cancellier assumir o cargo, o início da solenidade foi marcado pelo protesto de cerca de cem estudantes que invadiram o palco com faixas, gritos e tambor para exigir do novo gestor medidas para garantir a moradia de estudantes.

Marco Santiago/ND
Cancellier recebeu o cargo de Roselane Neckel


Cancellier propôs conversar com os alunos às 17h desta quarta e assim eles deixaram o palco. Em outro momento, durante a exibição de um vídeo do ministro da educação Aluizio Mercadante, o político criticou o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) e grupos pró e contra o impedimento gritaram.

O novo reitor afirmou que irá trabalhar para que os centros de ensino tenham papel ativo nos destinos da gestão com decisões descentralizadas. “A UFSC é maior que as dificuldades e vamos trabalhar tendo em vista a excelência acadêmica por uma universidade mais inclusiva, forte e com mais reconhecimento nacional e internacional”, afirmou durante o discurso de posse.

Além do reitor e da vice-reitora, foram empossados também os novos pró-reitores e secretários da universidade. Segundo Cancellier, a nova gestão seguirá o plano apresentado durante a campanha, valorizando a gestão, a excelência acadêmica e a retomada das alianças externas com o setor produtivo.

O primeiro ato será a instalação do Conselho de Gestão, formado por todos os diretores de centros, secretários e os diretores dos campi de Araranguá, Blumenau, Curitibanos e Joinville.

Em uma votação acirrada no segundo turno, a chapa de Cancellier venceu a eleição em novembro do ano passado por 47,42% do total de 13.926 votos. Em segundo lugar ficou a chapa de Edson Roberto De Pieri, com 46,06%. A então reitora Roselane Neckel obteve apenas 12,85% dos votos no primeiro turno.

Marco Santiago/ND
Estudantes exigiram medidas para garantir moradia universitária


Ex-reitora anuncia compra da Unisul de Araranguá

A ex-reitora Roselane Neckel disse sair de seu mandato de cabeça erguida e anunciou a compra da Unisul de Araranguá, efetivada nesta terça-feira por intermédio do governo federal, para a futura instalação de um curso de medicina na cidade.

“Estamos deixando para vocês [Cancellier e Alacoque] a casa em ordem. São muitos os desafios, mas fizemos a nossa parte”, afirmou Roselane, que voltará a ser professora de história.

O prefeito Cesar Souza Júnior (PSD) agradeceu a parceria com a universidade e, em especial, a cessão da UFSC de parte do terreno para a duplicação da rua Deputado Antônio Edu Vieira. Segundo o prefeito, as obras devem começar dentro de dez dias.

Sob o comando de Cancellier estão agora cerca de 2.500 professores na ativa, 3.300 servidores técnico-administrativos e 46 mil alunos de educação, básica, superior e a distância em todos os campi.

Natural de Tubarão, Cancellier é professor de direito público e administrativo no CCJ (Centro de Ciências Jurídicas), do qual foi diretor a partir de 2012.

Ele é graduado, tem mestrado e doutorado em direito pela UFSC, além de especialização em gestão universitária e direito tributário.

Também foi membro do Conselho Editorial da EdUFSC de 2009 a 2013, chefiou o departamento de Direito da UFSC de 2009 a 2011 e presidiu a Fundação José Arthur Boiteux entre 2009 e 2010.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade