Publicidade
Terça-Feira, 18 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Epagri/Ciram alerta para fim de semana com risco de ressaca no Litoral de Santa Catarina

As rajadas de vento deixarão o mar agitado e as ondas podem chegar aos quatro metros no alto mar

Redação ND
Florianópolis
29/09/2017 às 11H11

A Epagri/Ciram alerta para a condição de ressaca que deverá se formar no Litoral de Santa Catarina até domingo (1º). Os ventos de Leste e Nordeste, que se intensificam em alto mar, poderão provocar ondas de 3m a 4m de altura. Associadas ao empilhamento da água, as ondas podem causar inundações nas áreas mais baixas da costa catarinense.

Dos cinco quilômetros de praia, o canto direito foi o mais atingido - Marco Santiago/ND
Defesa Civil pede atenção às áreas vulneráveis à erosão e inundações costeira - Marco Santiago/Arquivo/ND



Nesta sexta-feira (29) e no sábado (30), as rajadas de vento podem chegar aos 50km/h e o mar fica bastante agitado nas áreas mais afastadas da costa. O tempo fica encoberto e com chuva isolada na área de pesca por causa da passagem uma frente fria sobre o Santa Catarina, que deverá trazer volumes mais representativos na região Leste do Estado. Em Florianópolis, as pancadas de chuvas serão intermitentes. As temperaturas ficam amenas, por volta dos 18°C, com umidade relativa do ar de 97%.

No domingo, as temperaturas previstas para a Capital são entre 20°C e 28°C. A velocidade média do vento diminui para os 40km/h, mas as ondas ainda podem atingir picos de 2,5m de altura.

Ainda conforme a Epagri, a tendência é para que na segunda (2) e na terça-feira (3), a passagem de uma nova frente fria provoque muitas nuvens com chuva melhorando em alguns períodos. O vento, que começa com rajadas dentre 50km/h e 60km/h, estará mais fraco no final do dia de terça.

A Defesa Civil de Santa Catarina recomenda que os pescadores protejam suas embarcações e apetrechos de pesca e maricultura durante o período de alerta. Moradores e comerciantes próximos à orla também devem ter atenção especial com as edificações, infraestruturas e vias em áreas vulneráveis à erosão e inundações costeira.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade