Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

Contribuinte de Joinville pode deixar parte do Imposto de Renda na cidade

Parcela do imposto devido pode ser destinada a fundo que financia projetos sociais locais

Redação ND
Joinville
Divulgação
Em Joinville, FIA é gerido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente 

 

Pessoas físicas que estão preenchendo a declaração de imposto de renda pelo modelo completo podem destinar 3% do imposto devido ao FIA (Fundo para a Infância e Adolescência ) de Joinville, gerido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. São recursos que ficarão em Joinville para o financiamento de projetos sociais. A destinação pode ser feita na declaração, até 30 de abril. Em 2014, Joinville recebeu R$ 220.410,12 em doações referentes aos 3% destinados no momento da declaração do IR. Esses recursos estão sendo utilizados para o financiamento de projetos aprovados, atividades do Conselho e rede de atendimento da infância e adolescência.

 

Entenda como fazer para doar o imposto devido ao FIA

 

Antes, podiam ser abatidas apenas as doações feitas até 31 de dezembro do ano anterior. Agora, há mais uma modalidade, com limite de dedução de 3% do imposto devido, de acordo com a Lei 12.594/2012. O limite global é de 6% para todos os tipos de doações, não apenas às destinadas aos fundos para as crianças e adolescentes. 

1. Após preencher toda a declaração de Imposto de Renda, na ficha “Resumo da Declaração”, clique na opção “Doações Diretamente na Declaração – ECA”

2. O programa abrirá uma tela. Para continuar, clique em “Novo” e confira o “Valor disponível para doação”, calculado automaticamente pelo programa.

3. Escolha a opção Municipal para beneficiar o FIA de Joinville. Será preciso primeiro selecionar o Estado (UF), para que o programa carregue a lista de municípios.

4. O programa automaticamente abaterá esse valor do saldo de imposto a pagar. Ao final, o programa gerará o Darf para recolhimento do saldo do imposto a pagar, conforme opção de pagamento (quota
única ou parcelado), e o Darf para recolhimento da doação ao fundo escolhido, com vencimento no dia 30
de abril. O pagamento da doação não está sujeito a parcelamento.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade