Publicidade
Terça-Feira, 18 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

As grandes obras viárias que os candidatos à Prefeitura de Joinville prometem fazer

Darci de Matos (PSD), quer duplicar a rua Ottokar Doerffel. Udo Döhler (PMDB) garante que ser for reeleito fará a ponte projetada para ligar os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista

Windson Prado
Joinville
07/10/2016 às 21H37

Além de setores como saúde e educação, a infraestrutura e a mobilidade têm sido temas recorrentes da campanha eleitoral dos dois candidatos que disputam a eleição para a Prefeitura de Joinville. No primeiro turno, todos os oito nomes que concorriam ao pleito elencaram obras que julgavam importantes para o desenvolvimento do trânsito na cidade. Agora, no segundo turno, o Jornal Notícias do Dia perguntou aos candidatos Darci de Matos (PSD) e Udo Döhler (PMDB), qual é a grande obra física que eles planejam e querem entregar à comunidade daqui a quatro anos.

Os dois citaram obras de mobilidade urbana. Darci promete dar uma cara nova para um dos principais acessos à cidade. Ele planeja fazer a duplicação da rua Ottokar Doerffel, por entender que desta forma o trânsito fluirá melhor na via que enfrenta períodos de longas filas em determinados horários. Também para cortar caminhos e dar vazão ao trânsito, no outro lado da cidade, o atual prefeito de Joinville, Udo Döhler, que tenta a reeleição, promete que desta vez cumprirá promessa da campanha de 2012 e erguerá a ponte que ligará os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista. No plano de governo de Darci, a ponte também é citada.

Ponte que ligará os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista tem por objetivo desafogar o trânsito na região Leste de Joinville - Carlos Junior/arquivo/ND
Ponte que ligará os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista tem por objetivo desafogar o trânsito na região Leste de Joinville - Carlos Junior/arquivo/ND



Uma nova entrada para Joinville

“Joinville não tem uma entrada bonita, glamourosa, florida e digna da mais populosa cidade catarinense. Por isso, a única obra física que estou prometendo e vou fazer nestes quatro anos é a duplicação da rua Ottokar Doerffel, entre os bairros Atiradores e Anita Garibaldi. Será uma entrada moderna, arrojada, florida, com um viaduto sobre rua Marquês de Olinda”. Esta é a principal promessa de campanha do deputado estadual Darci de Matos (PSD) que concorre à Prefeitura de Joinville com a coligação “Joinville Mais Humana e Mais Feliz” (PSD/PSDC/PMB/PSB/PR).

Darci acredita que a obra está estimada entre R$ 27 milhões e R$ 30 milhões e aposta em permutas com os moradores e empresários da rua para fazer as desapropriações necessárias. “Eu vou buscar recursos para esta obra com o governo do Estado. Para ajudar a custear as desapropriações necessárias para a duplicação, penso em fazer o que o prefeito Wittich Freitag (mandato entre 1993 e 1996) fez quando construiu a Prefeitura, propondo permutas e oferecendo terrenos da Prefeitura”, declarou o candidato a prefeito pelo PSD. Ele finaliza reafirmando que esta obra vai melhorar bastante a mobilidade no acesso à cidade.

 

Uma ponte para a região Leste

“A maior obra física que quero deixar para a população de Joinville, no meu próximo mandato, é a ponte que ligará os bairros Adhemar Garcia e Boa Vista.” Esta é a principal obra que o candidato do PMDB, Udo Döhler, tem prometido à população. A ponte é uma reinvindicação antiga dos moradores em especial das zona Leste e Sul, e por pelo menos uma década o tema surge nas campanhas eleitorais. Inclusive foi promessa do atual prefeito, que tenta a reeleição pela coligação “Juntos no Rumo Certo” (PMDB/PSC/PTB/PTdoB/PV/PROS/PCdoB/PTC).

“Esta é uma grande obra que Joinville precisa muito. Queríamos fazê-la na primeira gestão, mas isso não aconteceu porque os recursos do Banco do Brasil que seriam utilizados na execução secaram. Agora, estamos em processo de aprovação de um financiamento de R$ 40 milhões do Fonplanta, que só aguarda o aval do governo federal.” No ano passado, o governo do Estado argumentou que a ponte não havia sido incluída no orçamento de 2016 porque a Prefeitura de Joinville não havia apresentado o projeto executivo da obra. 

Segundo Udo, já há um estudo preliminar dos impactos ambiental. “Saindo o dinheiro a obra será licitada e deve começar na sequência. Será uma ponte moderna, com duas pistas, que integrará o contorno rodoviário leste, que vai ligar a BR-280 à BR-101, passando pela zona Lesta da cidade, pela beira-mangue até o aeroporto”, diz Udo.

Publicidade

3 Comentários

Publicidade
Publicidade