Publicidade
Terça-Feira, 20 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Após microexplosão, ventos fortes em SC matam quatro, deixam feridos e causam estragos

Foram registrados destelhamentos e desmoronamentos de residências, além de alagamentos e queda de árvores

Redação ND
Florianópolis

*Atualizada às 11h50

Quatro pessoas morreram em decorrência dos fortes ventos que atingiram cidades de Santa Catarina entre a tarde e noite de domingo (15). Várias cidades registraram destelhamentos, quedas de árvores e outros estragos por causa dos temporais. Segundo a Defesa Civil do Estado, há fortes indicativos da ocorrência de uma microexplosão em Ponte Alta do Norte e Porto União, fenômeno atmosférico que pode causar ventos extremamente fortes.

Defesa Civil/Divulgação/ND
Ponte Alta do Norte foi um dos municípios mais afetados

 

Ainda de acordo com o órgão, as microexplosões têm alto poder destrutivo e podem causar ventos de mais de 100 km/h, sendo mais frequentes que os tornados. “Estes fenômenos ocorrem quando a corrente descendente em uma tempestade é tão forte que chega ao solo causando destruição, fazendo com que o ar se espalhe em todas as direções”, explicou a Defesa Civil em nota.

Em Ponte Alta do Norte e Porto União, municípios mais atingidos, os ventos superaram os 100 km/h. Na região de Porto União, no Planalto Norte, foram registrados quedas de árvores e vários danos em residências. Uma pessoa foi atingida por um telhado de um barracão e morreu no local. O secretário da Defesa Civil estadual, Milton Hobus, estava em deslocamento para o município no final da manhã desta segunda.

Em Ponte Alta do Norte, cerca de 40 casas foram danificadas e 12 totalmente destruídas. Três pessoas morreram na hora, sendo dois homens e uma mulher. Quatro pessoas estão internadas no hospital de Curitibanos uma em Caçador e outra em Lages. Um abrigo foi aberto no município para atender as vítimas.

Outra cidade afetada foi Caxambu do Sul, onde uma residência ficou totalmente destelhada e parte de suas paredes caíram. Os moradores foram encaminhados a um abrigo da prefeitura da cidade.

Operários da Autopista Planalto Sul trabalharam durante a noite para desobstruir os quilômetros 166, 168 e 169 da BR-116, que tiveram quedas de árvores sobre as pistas. Outros municípios, como Ouro Verde e Bom Jesus, tiveram alagamentos pontuais.

Defesa Civil/Divulgação/ND
Em Porto União, várias casas foram prejudicadas pelos vendavais

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade