Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Defesa Civil e Fatma vistoriam local de acidente na BR-280 em Araquari

Contaminação pelo óleo diesel derramado está descartada pelos órgãos

Thaís Moreira de Mira
Joinville

O risco de o rio Piraí ser contaminado pelos 40 mil litros de óleo diesel derramados por um caminhão tanque que tombou às margens do km 37 da BR-280, em Araquari, no final da tarde de terça (20), foi descartado durante vistoria de técnicos da Defesa Civil e da Fatma (Fundação do Meio Ambiente). A análise foi realizada na manhã desta quarta (21). “O combustível caiu sobre a vegetação que fica acima de um antigo lago abandonado, onde funcionava uma criação de peixe”, explica o analista ambiental Jovani de Andrade, da Fatma.

Fabrício Porto/ND
Equipe contratada pela empresa dona do óleo diesel começaram a retirar o produto na manhã desta quarta

“Esta lagoa foi usada para fazer a contenção do produto, que não chegou ao rio Piraí, nem passou para a lagoa ao lado, de suporte dos arrozais”. Andrade e Antônio Edival Pereira, coordenador regional da Defesa Civil, esperavam a retirada do veículo para identificar a extensão do dano ambiental deixado no local. A carreta foi removida no final da manhã. Durante a operação o trecho da rodovia ficou bloqueado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal). O período de interdição foi de aproximadamente uma hora.

“A extensão do problema só vamos conseguir avaliar após a retirada do caminhão. Havia uma preocupação que o óleo diesel pudesse cair no rio Piraí e comprometer o abastecimento de água em Guaramirim e Jaraguá do Sul, mas isto não aconteceu”, diz Pereira. De acordo com o coordenador da Defesa Civil, a empresa proprietária do combustível acionou seu plano de emergência imediatamente depois do acidente. Duas companhias de emergência ambiental foram deslocadas para o local e iniciaram a contenção do diesel.

O líquido recolhido na lagoa abandonada vai para tratamento e posteriormente deve ser despejado em lugar seguro. O caminhão carregado de óleo diesel tombou por volta de 17h, segundo testemunhas, porque tentou desviar de um carro que invadiu sua pista durante uma ultrapassagem.  O motorista, que não teve o nome confirmado, ficou preso às ferragens do veículo. Ele foi resgatado com ferimentos graves na perna, braço, além de um corte profundo na cabeça.

Já o passageiro Ezequiel Osias Correia Ribas, 41, feriu apenas a cabeça. Ele e o caminhoneiro foram encaminhados ao Hospital Municipal São José, em Joinville. Um terceiro ferido, Lauri de Souza, 51, condutor de um Peugeot Partner que também se envolveu na batida, foi levado para o Hospital da Unimed. As vítimas foram socorridas pelos Bombeiros Voluntários de Araquari, primeiros a chegar ao local do acidente, e Guaramirim, Helicóptero Águia, da Polícia Militar, e Samu.

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade