Publicidade
Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 17º C

Técnico do Figueirense destaca as qualidades de Osorio, do México, no duelo contra Brasil

Milton Cruz trabalhou por quase cinco meses ao lado do treinador da seleção mexicana e conta com o que a seleção brasileira deve se preocupar nesta segunda-feira pela Copa do Mundo da Rússia

Michael Gonçalves
Florianópolis
01/07/2018 às 17H08

O Brasil enfrenta o México nesta segunda-feira (2), às 11h, pelas oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia e ninguém no território nacional conhece melhor o técnico Juan Carlos Osorio Arbeláez, o Osorio, do que o treinador do Figueirense, Milton Cruz. Os dois trabalharam juntos por quase cinco meses, em 2015, no São Paulo Futebol Clube. Apesar disso, o primeiro contato entre os dois profissionais aconteceu durante a Libertadores, em 2010, quando Osorio comandava o Once Caldas, da Colômbia, que também é o país de origem do treinador.

Milton Cruz ao lado de Juan Carlos Osorio, na época de São Paulo - Fotoarena/Folhapress
Milton Cruz (à dir.) ao lado de Juan Carlos Osorio, na época de São Paulo - Fotoarena/Folhapress

Milton destaca as qualidades do treinador do México. “O Osorio é um técnico diferenciado e estuda muito o adversário. Ele não é um profissional de um esquema só de jogo. Ele gosta de realizar o rodízio entre os atletas de acordo com a equipe adversária, não se apegando ao nome do jogador. O Osorio confia muito no esquema que monta”, afirmou.

O comandante da seleção mexicana comandou o São Paulo em 28 partidas, com 12 vitórias, sete empates e nove derrotas. Segundo Milton Cruz, que trabalhou 23 anos no tricolor paulista, ele trocou o futebol brasileiro pelo México em função do desmonte do time são paulino a época.

“Nós conversamos com frequência e antes da copa, ele me perguntou se o México enfrentasse o Brasil, para quem eu iria torcer. Disse a ele que deveríamos esperar para ver. É lógico que vou torcer pelo Brasil, mas também quero que o amigo se destaque. O Osorio é um cara que poderia mudar muita coisa no futebol brasileiro, mas infelizmente foi embora”, destacou o técnico do Alvinegro.

Segundo Milton, o sonho de Osorio é comandar a seleção colombiana.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade