Publicidade
Terça-Feira, 11 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 20º C

Raffaele Graniti assume Fluminense do Itaum visando acesso à Série B do Catarinense

Técnico com passagens pelo Joinville e Caxias está montando o elenco para disputar a Série C do Estadual a partir de agosto

João Batista (JB)
Joinville

O treinador Raffaele Graniti, com passagem pelo Joinville em 1996 e pelo Caxias em 2004, é a primeira confirmação do Fluminense do Itaum para a disputa da Série C do Campeonato Catarinense. Ele já está articulando a montagem da equipe que entra em campo a partir de agosto. A base do elenco deve contar com atletas do Santos Dumont/Assessoritec, clube da Primeira Divisão do Futebol Amador de Joinville, mas estão sendo mapeados também jogadores de outros times.

Rogério Souza Jr./ND
Técnico experiente, com 34 anos de futebol entre os 59 de idade, o italiano com fama de durão coleciona passagens por todas as divisões do profissional catarinense

 

Conforme Graniti, a ideia é estar com ao menos metade do elenco definido até a próxima semana para, então, dar início aos trabalhos de treinamentos, previstos para ocorrer na SER Tigre e também no campo do Santos Dumont, próximo ao aeroporto. Nesta quarta (4), ocorre uma peneira entre os juniores, de onde devem sair alguns nomes que podem integrar o grupo principal do Fluminense para o estadual. O clube pretende iniciar a competição com o plantel mínimo de 18 atletas, com reforços previstos para entrar de acordo com o andamento dos jogos.

Convidado pelo presidente Anelísio Machado para comandar o Fluminense, Graniti se diz motivado com o projeto e chega com a pretensão de já garantir o acesso do clube à Segunda Divisão do Catarinense, repetindo o feito com o Caçador, em 2012. “Recebi o convite com entusiasmo e fiquei agradecido por ter sido lembrado. Vamos lutar para subir e colocar o Fluminense no lugar que ele merece”, comentou. Técnico experiente, com 34 anos de futebol entre os 59 de idade, o italiano com fama de durão coleciona passagens por todas as divisões do profissional catarinense e tem histórico nas principais equipes, entre Criciúma, Avaí e Chapecoense.

“A gente já tem uma certa experiência e acho que isso pesou na minha contratação”, considerou Graniti, observando que o fato de morar em Joinville – no bairro Vila Nova – também foi ponto importante. A última conquista do técnico foi pela Terceirona em 2012 com a Caçadorense. No ano passado, Graniti assumiu o Canoinhas, da Série B do estadual. Nos últimos meses, antes de manter residência em Joinville, o técnico estava na Itália, fazendo curso.

Fora do JEC, Anátole é nome para o Flu

O técnico do Tricolor tem conversa afinada com pelo menos cinco jogadores do futebol amador de Joinville e está em acerto com outros atletas. O atacante Anátole, que não vinha sendo aproveitado no JEC e deixou o Coelho, é nome visado entre profissionais para o elenco. A Série C do Catarinense começa a partir de 3 de agosto. O Fluminense está no Grupo A, junto com Maga, Operário, Jaraguá e Juventus (Seara).

O primeiro desafio de Graniti será fora de casa, diante do Operário, em Mafra. Na segunda rodada, em 10 de agosto, o Fluminense estreia em Joinville, jogando com o vizinho Jaraguá. Ainda não é certo se o estádio do Caldeirão será mesmo a casa do Tricolor. A estrutura deve passar por melhorias básicas até o início da competição. Na partida do Santos Dumont contra o Pirabeiraba, realizada no local pela segunda rodada do Amador Joinvilense, as deficiências do gramado ficaram evidentes. Graniti também acompanhou o jogo para observar jogadores pretendidos para seu elenco.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade