Publicidade
Terça-Feira, 13 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 22º C

Krona é derrotada em casa pelo Jaraguá

Em um jogo de viradas, Jaraguá quebra a invencibilidade de nove jogos na Liga Futsal e derrota a Krona por 4 a 3

Adrieli Evarini
Joinville
FABRICIO PORTO/ND
Krona não conseguiu manter a sequência invicta ao perder o clássico regional contra Jaraguá

 

Um jogo de marcação forte e defesas muito bem armadas. Assim foi o confronto entre Krona Futsal e Jaraguá na noite de sábado (18), válido pela Liga Futsal, no ginásio do Sesc. A torcida que esteve presente apostando na vitória do time da casa que não perdia a nove jogos na competição, voltou para casa decepcionada. O time vizinho derrotou a Krona por 4 a 3.

O clássico começou com os dois times marcando e buscando espaços para abrir o placar. Após desarme de Caio em Mithyuê, Dian Luka arriscou pela ala direita e abriu o placar para Jaraguá.

Após sofrer o gol, a Krona impôs o ritmo do jogo e Djony, o goleiro artilheiro da Liga Futsal arriscou da quadra de defesa, Lé desviou para fora. Em resposta, faltando apenas um minuto para o intervalo Caio chutou forte, mas a bola explodiu na trave.

O segundo tempo começou com forte pressão da Krona. Logo aos dois minutos, em bela jogada, o pivô Eka tocou de calcanhar e Mithyuê soltou uma bomba de fora da área, sem chance para Baranha. Aos oito minutos, em chute rasteiro, Sinôe virou o placar para os donos da casa.

Mas, o canto de alegria da torcida no Sesc foi abafado aos 10 minutos, quando Poletto, empatou a partida. Com a marcação forte, a Krona cometeu a sexta falta aos 15 minutos. Em cobrança de tiro-livre, o camisa 10 de Jaraguá, Diego, virou para os visitantes. Um minuto depois, Djony, após entrada forte foi expulso e Jaraguá teve a chance de ampliar em cobrança de novo tiro-livre. Dudu defendeu a cobrança de Diego. Mas, aos 17 minutos Diego ampliou novamente para o time visitante.

Atrás no placar, a Krona apostou no goleiro-linha Danilo Baron e chegou ao terceiro gol com Eka, mas não conseguiu chegar ao empate. Jaraguá segurou o placar e conseguiu arrancar a vitória em Joinville.

Para Galo, do Jaraguá, o clássico é sempre um jogo aguerrido e de forte marcação. O jogador destaca o equilíbrio da equipe diante da torcida e da pressão adversária para conseguir o resultado. “A nossa equipe teve cabeça boa e soube lidar com a situação. A vitória é consequência dessa postura”, enfatiza.

Já do lado da Krona, que concedeu à equipe visitante a chance de virar o placar cometendo a sexta falta, Sinoê destacou a exposição da equipe pela busca do resultado. “Jogamos em casa e saímos para buscar o resultado. Em consequência acabamos marcando forte e o desequilíbrio nessa marcação acarretou na quantidade de faltas”, comenta. Mas, o jogador ressalta a qualidade da equipe para buscar os resultados. “Agora é pensar nos próximos jogos e, assim como eles ganharam aqui, a gente pode vencer lá”, finaliza.

O próximo confronto da Krona é fora de casa, em Guarapuava (PR), no dia 27 de julho.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade