Publicidade
Terça-Feira, 25 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 18º C

Com polivalente Dian Luka, JEC/Krona segue com a melhor defesa

Com primeiro gol da partida, ala foi um dos destaques no primeiro jogo das quartas de final

Redação ND
Joinville
31/10/2016 às 12H09

Pelo terceiro ano consecutivo, Dian Luka, 26 anos, está na melhor defesa da Liga Nacional. O ala, que fez história em Jaraguá do Sul, é uma das peças fundamentais do Joinville na atual temporada. Além de marcar gols decisivos, como na vitória sobre o São José e também diante da Assoeva, pelas oitavas e quartas de final da Liga Nacional 2016, respectivamente, o jogador tem se destacado na marcação.

Dian Luka fez o primeiro gol do JEC/Krona no jogo de ida das quartas de final - Divulgação/ND
Dian Luka fez o primeiro gol do JEC/Krona no jogo de ida das quartas de final - Divulgação/ND



Nas últimas duas edições da Liga Nacional, a equipe de Jaraguá do Sul, ex-equipe do ala Dian Luka, teve a melhor defesa da competição. Dian teve participação decisiva, sendo um dos jogadores que mais esteve em quadra pelo Jaraguá nas últimas temporadas. Já na atual edição da Liga, o Joinville, atual equipe do camisa 7, tem a melhor defesa da competição nacional.

"Sempre procuro entender a filosofia de jogo da equipe que atuo, mas também estudando o adversário. O futsal é muito dinâmico, rápido, pois o tempo inteiro você precisa saber marcar e atacar. Qualquer deslize pode ser crucial em uma partida, ainda mais nos momentos decisivos", destacou o ala.

Aplicado taticamente, Dian Luka tem forte relação com o futsal catarinense. Revelado em Jaraguá do Sul, o jogador despontou para o cenário do futsal nacional atuando ao lado de craques como Falcão, Lenísio, Tiago, Franklin, Valdin, Ari, Chico, Leco e Xande. A vitoriosa era da Malwee Jaraguá tinha o comando do treinador multicampeão Fernando Ferretti, hoje comandante do Magnus Futsal (SP).

Agora no Tricolor catarinense, Dian Luka também se destacado nos desarmes, sendo referência no fundamento ao lado de Leco, Xuxa, Junai e Fernando. Os dados são captados a cada partida pelo preparador físico do Joinville, João Carlos Romano.

O Joinville luta por uma vaga na semifinal da Liga no próximo sábado (5), quando recebe a Assoeva, no Centreventos Cau Hansen. A equipe joinvilense tem a vantagem do empate no tempo normal, já que venceu o jogo de ida das quartas de final, por 3 a 2, em Venâncio Aires (RS).

Publicidade

0 Comentários

Publicidade

Escolha seu time

  • Chapecoense
  • Criciúma
  • Figueirense
  • JEC
  • Avaí
Publicidade