Publicidade
Terça-Feira, 18 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Leandro Mazzini é jornalista, escritor e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. Iniciou carreira em 1994, e passou pelo Jornal do Brasil, Gazeta Mercantil, Correio do Brasil, Agência Rio entre outros. O blog é editado por Mazzini com colaboração de Walmor Parente e equipe de Brasília, Recife e São Paulo.

  • Governo tira Museu Nacional da UFRJ e cria ABRAM

    Governo federal vai tirar o Museu Nacional da tutela da UFRJ e criar a ABRAM - Agência Brasileira de Museus, no lugar do Ibram, que vai gerir museus. O anúncio deve ser realizado até terça, conforme anunciou a coluna no twitter. 

    O incêndio de domingo (2) que atingiu o Museu Nacional foi mais um episódio recorrente da falta de manutenção da UFRJ. Foi o sexto incêndio registrado desde 2011, o primeiro deles atingiu três andares do Campus Praia Vermelha, em Botafogo. Em 2012, ocorreu na Faculdade de Letras, em 2014 no prédio do Centro de Ciências da Saúde. Em 2016 Fogo consumiu o oitavo andar do prédio da reitoria e em 2017 o alojamento estudantil foi parcialmente afetado por um incêndio que começou na madrugada.

  • TCU mira compra de empresa pela Caixa

    Causou espanto no Tribunal de Contas da União a postura do Ministro Walton Alencar ao propor anulação de acórdão que considerou ilegal a aquisição pela CaixaPar de participação na empresa CPMBraxis. O objetivo do bancão oficial é contratar serviços da nova empresa sem licitação, por se tratar de novo braço da instituição. Famoso pela dureza de seus posicionamentos, o ministro Alencar defendeu a mudança do posicionamento da Corte. Atua no caso o escritório Piquet Carneiro, onde trabalha o advogado Ary, ex-chefe de gabinete do presidente do TCU, Raimundo Carreiro.

    Faca..

    Há meses Jair Bolsonaro (PSL) faz uma oração ‘dos tempos de guerra’ à noite, indicação de um amigo partidário do Paraná que previu que corria risco de atentado.

    ..na oração

    “Meu Jesus crucificado, filho da virgem Maria. Guardai-me esta noite e amanhã por todo o dia! Que meu corpo não seja ferido, nem meu sangue demarrado, nem por faca nem por chumbo, Oh meu Jesus[...]

    Leia mais
  • PF investiga indícios de que crime foi planejado

    Não foi por mera jurisprudência a entrada da Polícia Federal na investigação da facada contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). Fontes policiais de Juiz de Fora enviaram informações de que a ação não foi um crime comum. Foi premeditado e profissional, apesar de Adélio Bispo ter sido preso em flagrante. Ingredientes apimentam a história: a faca pontiaguda foi mirada no lado direito do abdômen, onde estão órgãos vitais. O agressor possui quatro chips de diferentes números para celular, e desfiliou-se há pouco tempo de partido de esquerda – tão criticada por Bolsonaro.

    Sigilos

    No primeiro depoimento, o agressor Bispo alegou que fez por vontade própria. Mesmo que seja, premeditou bem. A PF vai quebrar seu sigilo bancário e telefônico.

    Anteviu

    Na terça-feira, o presidente do PSL e braço direito de Bolsonaro, Gustavo Bebianno, visitou a direção da Polícia Federal em Brasília e pediu reforço na escolta.

    Cadê?

    Apesar de testes na quarta-feira[...]

    Leia mais
  • Jair Bolsonaro foi alertado e reforçou escolta pessoal

    Ele previu o perigo

    Jair Bolsonaro (PSL) já havia reforçado sua escolta pessoal com seguranças à paisana que se passam por fãs. E a diretoria da Câmara Federal reforçou a segurança do presidenciável nas dependências da Casa mês passado, em alerta diante da onda de gente desconhecida que vem cercando o candidato. A Câmara destacou um veterano segurança da Casa para acompanhá-lo pelas dependências, inclusive dentro gabinete. Cerca de 30 fãs e militantes batem ponto na porta do gabinete de Bolsonaro no Anexo III quando por lá está.

    Alerta do além?

    Meses atrás, um amigo do Paraná, ligado à Renovação Carismática da Igreja, mandou uma mensagem por whatsapp para Bolsonaro. Previu um atentado nas ruas.

    Levou a sério

    Jair recebeu a mensagem do presidente do Patriota-DF, Paulo Fernando, e agradeceu. Evangélico, o candidato passou a orar pela sua segurança – mas tomou providências.

    Facada de Mourão

    O General Mourão (PRP), o vice, soltou para amigos[...]

    Leia mais