Publicidade
Domingo, 22 de Outubro de 2017
Descrição do tempo
  • 22º C
  • 19º C

Durante show em Biguaçu Victor comenta sobre polêmica de agressão contra a mulher

Apresentação da dupla aconteceu no Centro de Eventos Petry na madrugada deste domingo

Viviane de Gênova
Forianópolis
19/03/2017 às 16H08
Victor comentou sobre polêmica de agressão durante show - Divulgação/ND
Victor comentou sobre polêmica de agressão durante show - Divulgação/ND



O cantor Victor, que faz dupla com o irmão Leo, comentou durante o show que fez em Biguaçu na madrugada deste domingo (19) sobre as acusações de agressão à sua mulher. “Se tem algo que aprendi com esse momento difícil, foi a me colocar no lugar do outro”, disse.

O show que aconteceu no Centro de Eventos Petry, marcado para a 1h, começou com uma hora de atraso por causa de um problema no sistema elétrico. Apesar da longa espera, o público não desanimou e demonstrou logo no começo da apresentação apoio ao cantor entoando um longo “Victor! Victor! Victor”. O show durou pouco mais de 1h30 e trouxe hits novos e antigos da dupla, que completa 25 anos de carreira neste ano.

A dupla se apresentou em Biguaçu neste domingo - Divulgação/ND
A dupla se apresentou em Biguaçu neste domingo - Divulgação/ND


Durante determinado momento da apresentação, Léo dizia que algumas músicas eram inesquecíveis, como a “Deus e eu no sertão”, composta pelo seu irmão. Após um abraço emocionado, Victor agradeceu o irmão e comentou sobre a polêmica envolvendo seu nome. “Quando você passa por uma experiência muito dura, difícil, você aprende a se colocar no lugar do outro (...). Você só se defende, quando não admite o erro. E quando tem a consciência limpa, não é necessário defender nada”, afirmou.

Depois, ele ainda disse que a “ficha caiu quando viu um monte de gente condenando sem nenhum julgamento” e completou “já fui igualzinho a vocês, agora sou menos. Eu julgava tão fácil quando via alguma coisa na tevê, na qual eu não tinha ligação alguma”. Por fim, ele agradeceu o apoio de Leo: “O cara que me estendeu a mão quando eu estava mal, foi meu irmão. E eu agradeço muito”.

Victor foi acusado pela sua mulher, Poliana, de agressão em fevereiro. Ela registrou um boletim de ocorrência contra o cantor, mas depois divulgou uma carta dizendo que ele não a machucou. O exame de corpo de delito deu negativo para as lesões.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade