Publicidade
Sábado, 17 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Projeto que aborda o universo feminino nos palcos passa por seis cidades catarinenses

Em Florianópolis, a peça “Universo Cabeludo” será apresentada nos dias 16 e 17

Redação ND
Florianópolis
12/07/2018 às 22H47

Florianópolis recebe nos dias 16 e 17 deste mês o projeto Circulando pelo Universo Feminino: trocando experiências contra a violência, no Sesc Prainha. O trabalho ainda vai passar até o final de julho por Mafra, Balneário Camboriú, Lages, Chapecó, Criciúma por meio do edital Elisabete Anderle de 2017. 

Trabalho circula o Estado e chega em Florianópolis na próxima segunda e terça - Divulgação/ND
Trabalho circula o Estado e chega em Florianópolis na próxima segunda e terça - Divulgação/ND


Circulando pelo Universo Feminino surgiu em 2011 por meio de pesquisas de mestrado das estudantes da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina), Vivian Andréia Paris, Vívian Coronato, Luanda Wilk e Patrícia Leandra. Ele traz apresentações teatrais, debates e oficinas oferecidas gratuitamente à comunidade. O ponto alto do projeto é o espetáculo “Universo Cabeludo”, onde sobrem ao palco Andréia e Vívian. A peça tem como temática central o universo feminino, questionando e denunciando os modos como as mulheres são tratadas dentro de uma cultura machista. Segundo Luanda, que faz parte da produção do projeto, o assunto é tratado como um jogo, uma brincadeira, para trazer leveza ao assunto na hora discussão.

As atrizes buscam se libertar de padrões pré-estabelecidos quando decidem viver no espetáculo o sonho adolescente de criar uma banda de rock. As frustrações, os desejos e as dificuldades conduzem-nas a descobrir esta mulher contemporânea que quer ser a dona de seu próprio destino. 

O projeto prevê oficinas sobre dramaturgia feminina que serão ministradas para mulheres com ou sem experiência com teatro, de todas as idades, e que tenham principalmente alma de mulher – sem restrição de gênero. A proposta é trabalhar com devisedtheatre, que é uma prática teatral utilizada em grupos de teatro de mulheres surgidos nos anos 1970 e 1980 em muitos países como uma estrutura alternativa ao trabalho de teatro tradicional, criando-se espaços mais democráticos, nos quais as mulheres pudessem participar ativamente. 

Durante oito horas de oficina, as participantes irão criar, sugerir e propor exercícios e temas. O objetivo é empoderar as participantes do processo, com a responsabilidade de criação e o crédito compartilhado.

Serviço
O quê: “Universo Cabeludo”
Quando: 16 e 17/7, às 20h
Onde: Sesc Prainha, trav. Siryaco Atherino, Prainha, Fpolis
Quanto: gratuito

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade