Publicidade
Terça-Feira, 20 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Musical “Será que É de Éter?” retorna ao teatro do CIC nesta quarta e quinta

A apresentação homenageia Chico Buarque por meio de repertório interpretado por Cláudia Passos

Redação
Florianópolis
23/01/2018 às 14H03

A montagem “Será que É de Éter?” retorna ao teatro do CIC, em Florianópolis, nesta quarta e quinta-feira, às 21h. Apresentado pela companhia de dança Lápis de Seda e Cláudia Passos, e com incentivo do Ministério da Cultura via Lei Rouanet, o programa reforça a agenda cultural da temporada de verão de Florianópolis e pretende ampliar o número de espectadores com relação ao projeto que propõe reflexões sobre dança contemporânea, memória e diferença. 

A partir de um corpo visível na representação de si próprio, o grupo opera uma construção discursiva e social sobre a arte do movimento e da música. Com a complexidade de um espetáculo com música ao vivo, “Será que É de Éter?” aproxima música, dança contemporânea e uma homenagem ao cantor e compositor Chico Buarque. 

A companhia Lápis de Seda reúne dez bailarinos com diferentes capacidades e formações - Cristiano Prim/Divulgação
A companhia Lápis de Seda reúne dez bailarinos com diferentes capacidades e formações - Cristiano Prim/Divulgação


“Valsinha”, “Baioque” e “Olê” são algumas das composições incluídas no repertório interpretado por Cláudia Passos. Sob a direção coreográfica de Ana Luiza Ciscato e a direção musical de Luiz Gustavo Zago, a intérprete e os seis instrumentistas se apresentam em meio aos conceitos “cênicos” da sound e light designer HedraRockenbach. 

Com 17 pessoas no palco, o elenco se compõe de Luiz Gustavo Zago, no piano, Iva Giracca, no violino, Felipe Arthur Moritz, com sax e flauta, Dudu Pimentel, no violão e guitarra, Leandro Fortes, no violão e bandolim, e Alexandre Damaria, na percussão. 

Sob a coordenação da diretora artística Ana Luiza Ciscato, Lápis de Seda reúne dez bailarinos com diferentes capacidades e formações. Jovens e adultos, 60% são considerados com deficiência intelectual e/ou motora e 40% sem deficiência. A faixa etária se situa entre 20 e 50 anos. 

>> Serviço

O quê: “Será que É de Éter” 
Quando: 24 e 25/1, 21h
Onde: Teatro Ademir Rosa, av. Gov. Irineu Bornhausen, 5.600, Agronômica, Florianópolis
Quanto: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade