Publicidade
Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 17º C

Morre Frank Avruch, palhaço Bozo dos Estados Unidos, aos 89 anos

Artista estava em sua casa, em Boston, Estados Unidos, quando sofreu uma parada cardíaca

Folha de São Paulo
São Paulo (SP)
22/03/2018 às 12H50

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Intérprete do palhaço Bozo nos Estados Unidos, Frank Avruch morreu na terça-feira (20) aos 89 anos de idade.

Avruch estava em sua casa, em Boston, Estados Unidos, quando sofreu uma parada cardíaca. Familiares confirmaram a notícia para o canal WCVB-TV, afiliada da rede de televisão ABC.

Ele foi responsável por encarnar o palhaço no programa infantil intitulado "Bozo the Clown", transmitido em rede nacional entre 1959 e 1970, que mais tarde se transformou em franquia ao redor do mundo.

"Ele tinha um coração de ouro", afirmou o empresário de Avruch para a agência de notícias Associated Press. "Ele trouxe vida ao palhaço Bozo como ninguém fez ao retratar o personagem", completou.

"Embora seja difícil dizer adeus, nós celebramos o legado de alegria e risada que ele deixou para milhões de crianças ao redor do mundo como o palhaço Bozo e no papel de embaixador da Unicef", disse a família em comunicado. "Nosso pai amava as crianças de todas as idades que ainda se lembravam dele no programa. Sentiremos muito a sua falta", completou.

Além de encarnar o famoso palhaço, Avurch trabalhou como para o canal local WCVB por mais de 40 anos como apresentador dos programas "Man About Town" e "The Great Entertainment".

O personagem Bozo foi criado nos Estados Unidos, em 1946, por Alan Livingston. O palhaço chegou ao Brasil nos anos oitenta pelo SBT, que ganhou um programa próprio exibido até o início da década seguinte.

No ano passado, a história de Arlindo Barreto, um dos intérpretes do palhaço durante o auge do Bozo no país, chegou aos cinemas no filme "Bingo: O Rei das Manhãs", do diretor Daniel Rezende.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade