Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 19º C

Estúdio da Lagoa da Conceição realizará tatuagem às cegas na 2ª Expo Tattoo Floripa

O evento acontece de sexta a domingo, no Centrosul, e deve atrair cinco mil pessoas

Karin Barros
Florianópolis
Flavio Tin/ND
O tatuador Natan Holtz simula em Gabriel Carvalho como fará a tatuagem às cegas durante o evento


Pela internet, o tatuador Natan Holtz, 33, natural de São Paulo, mas morando na Lagoa da Conceição há quatro meses, lançou um desafio: pessoas que tivessem interesse em serem tatuadas por ele às cegas poderiam se inscrever em uma promoção via Instagram e participar de uma seleção.

Os pré-requisitos eram ser maior de idade, de preferência mulheres com poucas tatuagens e disponibilizar a coxa para uma obra de arte. O detalhe é que quem escolhe o desenho é o próprio Natan. Enquanto isso, o cliente fica com os olhos vendados e só verá o resultado final do trabalho. Essa é a primeira vez que Natan realiza a experiência, e ela teve mais de 300 inscritos de todo o Brasil.

A vencedora da promoção foi Grazielly Anacleto, de São José, e o desafio vai acontecer durante a 2ª Expo Tattoo Floripa, que começa nesta sexta-feira e segue até domingo, no Centrosul, em Florianópolis. A tatuagem às cegas será realizada às 10h de domingo. Para Natan, o desafio vai além das agulhas. “Nós estamos com uma atividade bem grande nas redes sociais da Grazielly, olhando o que ela gosta de comer e onde vai, por exemplo, para traduzir na tatuagem”, explicou ele sobre a expectativa que também gera nele próprio para corresponder a cliente.

Natan tem um estúdio no início da Lagoa, em parceria com a mulher, Mari Holtz, responsável pela gestão do espaço. “Desde que me entendo por gente, eu rabisco. Mas quando você vai crescendo as pessoas vão dizendo “isso não é bom pra você”, mas vai passando o tempo, e ou você desmotiva ou ganha apoio no engajamento. Quando conheci minha esposa, ela me incentivou a associar o desenho com outra coisa que eu também gostava, que era a tatuagem”, diz Natan.

Ambos trabalhavam em São Paulo com agências de publicidade, e juntos há oito anos, buscavam uma cidade para ter qualidade de vida, e escolheram Florianópolis para a nova rotina.

A Expo Tattoo, nesta segunda edição do evento, dobrou de tamanho. Agora serão 90 stands onde os profissionais irão apresentar seus trabalhos, trocar experiências com outros profissionais, comercializar produtos e logicamente, atender o público que for ao evento realizar tatuagens.

Fortalecer a classe 

A Expo Tattoo reunirá mais de 300 tatuadores do Brasil e do exterior e tem estimativa de público de mais de cinco mil pessoas. Workshops com renomados tatuadores, concurso de tatuagens em diversas categorias e piercing, eleição da Miss Tattoo Floripa 2015, desfiles, apresentações musicais e de dança do ventre, integram a programação do evento.

De acordo com o organizador do evento, Maurício Civetta, a 2ª Expo Tattoo "é uma convenção de interesse tanto para os tatuadores que poderão aprimorar os conhecimentos e trocar experiências como para o público em geral. É uma oportunidade de conhecer e desmistificar a arte milenar. Ainda há muito preconceito com o mundo da tatuagem e no evento do ano passado observamos que é possível sim mostrar que é uma arte, que há profissionalismo e que a arte da tatuagem deve ser de acesso a todos, mesmo os que não queiram se tatuar”. 

Para Natan Holtz, o nicho da tatuagem precisa ser fortificado cada vez mais. “A profissão do tatuador ainda não foi regularizada, e cada vez mais, com esse tipo de evento, mostrando que é uma arte séria, que é uma área da saúde e artística, algo se agrega a categoria”, explicou ele. 

Uma das grandes atrações do evento é a presença do uruguaio Victor Hugo Peralta, e da argentina Gabriela Peralta, o casal mais modificado do mundo de acordo com o Guinness Book 2014. Victor Hugo tem 90% do corpo coberto de tatuagem, incluindo os olhos. Gabriela, além das inúmeras tatuagens na pele e globo ocular, tem a língua repartida ao meio. 

O quê: 2ª Expo Tattoo Floripa
Quando: 14 a 16/8, das 13 às 22h
Onde: CentroSul, av. Governador Gustavo Richard, 850, Centro, Florianópolis
Quanto:  R$ 15 + 1 quilo de alimento não perecível ou R$ 20 (um dia); R$ 30 + 1 quilo de alimento não perecível ou R$ 40 (três dias)

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade