Publicidade
Terça-Feira, 20 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 16º C

Fãs de Florianópolis lamentam a morte do músico David Bowie

Profissionais de diferentes áreas sentiram a perda do cantor britânico

Redação ND
Florianópolis
AFP/ND
Fãs depositam homenagens em mural em Brixton (à dir., acima)


Em um colorido mural que representa o rosto de David Bowie em Brixton (bairro ao sul de Londres), fãs e admiradores prestaram nesta segunda-feira suas últimas homenagens ao ídolo.

Muitos seguidores deixaram flores e mensagens no mural produzido sobre a parede de um supermercado em Tunstall Road pelo artista australiano Jimmy C (James Cochran), inspirado no álbum “Thin White Duke”.

David Bowie morreu nesse domingo, aos 69 anos. Dois dias após lançar seu último disco, "Blackstar", exatamente na data de aniversário.

O mundo lamentou a morte do multiartista David Bowie, 69. E em Florianópolis a situação não foi diferente. Artistas de diferentes áreas sentiram a perda do cantor britânico, que foi pioneiro e precursor.

Confira a repercussão e opinião de alguns artistas da Capital:

"Bowie teve um papel fundamental na cultura pop dos últimos 40 anos. Transcendeu por diversos gêneros musicais, desde o pós-punk e glam rock, até o pop e eletrônico no fim dos anos 1970, ao pop platinado dos anos 1990. Em um momento em que o mundo está careta e fascista, é muito triste perder um artista que lutava contra isso e tinha uma obra tão múltipla e densa”.

Jean Mafra, músico

 

"Bowie apontou o futuro. Era um visionário. A amplitude de sua influência é gigante, vai desde Sex Pistols a Madonna. Teve um importante papel ao resgatar carreiras de músicos como Iggy Pop. Ele também transcendeu gêneros, e não somente os musicais.  É uma perda para todas as artes”.

Gabriel Rocha, jornalista

 

"Só um verdadeiro artista consegue ser sempre atual. Foi um artista múltiplo e completo, era também dançarino, ator e performer. Sua vida foi uma performance até a sua morte. O ato de morrer foi uma performance, ele lançou o seu último álbum alguns dias antes. Quando você é um performer, nada é gratuito. Ele foi um ser humano de todas as artes”.

Karin Serafin, Bailarina

 

"Bowie influenciou fundamentalmente a estética das últimas décadas, é um dos artistas mais completos que já passaram por este mundo. Fui à um show dele em 1997 e foi fascinante e impactante, lembro até hoje do cenário e figurino. O que mais gosto é de sua fase andrógena. Ele sempre foi muito ousado ao romper com paradigmas.”

Paula Albuquerque, designer

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade