Publicidade
Quarta-Feira, 14 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 22º C

OCTA Fashion, desfile dos formandos em moda da Udesc, traz inovações e antecipa tendências

O desfile acontece nesta sexta-feira, no Oceania Park Convention, no Norte da Ilha

Marciano Diogo
Florianópolis
Guilherme Dimatos/Divulgação/ND
Marina Furtado usou referências da arte contemporânea em um look que pronuncia a cor rosa


As tendências da moda entram na passarela com a 5ª edição do OCTA Fashion (Observatório de Cultura e Tendências Antecipadas), que acontece hoje em Florianópolis. Neste ano, criações de 38 formandos do curso de moda da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) poderão ser apreciadas no desfile de hoje e também em uma exposição durante a próxima semana no Museu da Escola Catarinense, na Capital. “São trabalhos experimentais que têm toda a possibilidade de serem produzidos em maior escala. Observamos algumas linhas bem fortes nas criações deste ano: uma delas é o trabalho de modelagem de recorte das roupas, que está mais minimalista e bem alinhado ao corpo. Outra é o desenvolvimento das estampas, a maioria delas são feitas com tecnologia digital e 3D”, adianta Balbinette Silveira, 41, professora e coordenadora do OCTA Fashion 2015.

Durante os quatro anos de curso, os alunos estudaram sobre uma das indústrias econômicas mais potentes do mundo e aprenderam a questionar os conceitos e paradigmas deste mercado. O resultado desse conhecimento adquirido são as criações das coleções para o OCTA, que neste ano tem como tema geral “Trânsitos Vestíveis”. “São trabalhos ousados, muitos trazem o desenvolvimento de um design têxtil que alia a tecnologia ao processo manual de aplicações e bordados. As peças masculinas deste ano evidenciam este trabalho, observamos que estão mais amplas e funcionais, com sobreposições e uso de tecidos práticos diante da mudança climática, como a lã fria”, observa Balbinette.

A formanda Thaís Badia, 23, investiu na inovação na criação das peças, com um look plus size que valoriza as dobraduras e estampas. “Optei pela modelagem maior por motivação pessoal também, somos um público negligenciado pela indústria da moda. Para as cores e estampas procurei inspiração nas obras de Gaudí”, conta Thaís. Marina Furtado, 22, também procurou inspiração nas artes visuais. “Usei referências da arte contemporânea, quis trazer a leveza em contraponto ao minimalismo, por isso usei somente o rosa no vestido de seda e no casaco de lã batida. É uma roupa funcional feita para a mulher moderna”, observa Marina.

Já Andréa Grivol Scomparim, 26, buscou na Rússia as referências. “Me inspirei na heroína de um livro russo de Alexandr Pushkin. Busquei o contraponto entre leve e pesado nas formas, babados e sobreposições. Também quis trazer a ideia de contraste entre sobriedade e irreverência nas cores. Quanto ao chapéu, é também bem utilizado na Rússia”, explica Andrea.

Vitrine para o mercado
Com a quinta edição consecutiva, o OCTA Fashion já se consolida como um dos maiores eventos acadêmicos de moda do Brasil por trazer criações inovadoras e apontar tendências de mercado. Reconhecido como o melhor curso de moda do Brasil pelo quarto ano consecutivo pelo Guia do Estudante da Abril, a graduação da Udesc conta atualmente com 22 profissionais no corpo docente. “Trabalhamos para este momento. O desfile terá uma apresentação conceitual e visual com uma iluminação específica. Já a exposição no museu acontece pela primeira vez neste ano, e será uma oportunidade para que mais pessoas possam conhecer as criações, inclusive empresários do mercado”, afirma Balbinette Silveira.

Cerca de 3.000 pessoas são esperadas para o OCTA Fashion deste ano. Assim como nos anos anteriores, no evento será lançada a edição da revista “OCTA mag”, que traz um catálogo das minicoleções criadas, editorias de moda e matérias especiais.

O quê: Desfile do OCTA Fashion 2015
Quando:
13/11, 19h
Onde:
Oceania Park Convention, rua dos Mariscos, 550, Ingleses, Florianópolis, tel. 48 32613400
Quanto:
Gratuito

O quê: Exposição doOCTA Fashion 2015
Quando:
De 16 a 20/11, das 14h às 18h
Onde:
Museu da Escola Catarinense, rua Saldanha Marinho, 196, Centro, Florianópolis, tel. 48 32258658
Quanto:
Gratuito

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade