Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

Dançarina de Demi Lovato diz não ter culpa por overdose da cantora e se defende de fãs

Dani Vitale recebeu ataques de fãs pela internet, quando foi noticiado que Demi havia sofrido uma overdose no dia do aniversário da dançarina

Folha de São Paulo
São Paulo (SP)
31/07/2018 às 17H29

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A dançarina Dani Vitale, que trabalha com a cantora Demi Lovato, 25, publicou uma carta no seu perfil do Instagram desabafando sobre a internação da cantora. Dani recebeu ataques de fãs pela internet, quando foi noticiado que Demi havia sofrido uma overdose no dia do aniversário da dançarina. 

Demi Lovato sofreu a overdose após uma festa em sua casa que durou a noite toda. Antes desta festa, no entanto, Dani comemorou o seu aniversário com amigos no bar Saddle Ranch. Em carta, ela informou que não foi para a casa da cantora como os fãs acreditam. 

Demi Lovato teve problemas com o vício no começo de sua carreira - Divulgação/ND
Cantora Demi Lovato foi internada em um hospital de Los Angeles após uma suposta overdose de heroína - Divulgação/ND


"Eu me preocupo com Demi tanto quando todos vocês. Eu não disse nada sobre esta situação até agora porque a recuperação dela tem sido muito mais importante. Eu não estava com Demi quando o incidente aconteceu, mas estou com ela agora, e assim continuarei porque ela é muito importante para mim, assim como para todos vocês", esclareceu a dançarina. 

Dani  ainda criticou a forma como fãs e internautas estão reagindo ao fato.  "Assim como todos vocês, não tenho nada além de amor em meu coração por ela. Não há necessidade de qualquer negatividade em relação àqueles que se importam com Demi neste momento."

A dançarina disse ainda que sabe que todos [os fãs] estão se sentindo perdidos sem ela neste momento." Lembrem-se de que vocês são uma comunidade de Lovatics que ama. Por favor, lembrem-se disso quando pegarem seus telefones e começarem a digitar. Lembrem-se de que todos nós a amamos mais do que podemos expressar em palavras. Por favor, continuem enviando amor durante sua recuperação." 

A equipe de Demi Lovato ainda não divulgou informações sobre a turnê que está em andamento. O cantor Jason Marz, que faria uma apresentação com a artista em Toronto, no Canadá, informou aos fãs que o evento foi cancelado. "Minhas sinceras desculpas aos nossos fãs por termos que cancelar a apresentação deste fim de semana. Nós desejamos a ela uma boa recuperação", disse o artista, em nota. 

Segundo a agenda da artista em seu site, o próximo show deve ocorrer em 20 de setembro no México. A artista tem shows agendados no Brasil em novembro. 

OVERDOSE

No dia 24 de julho, a cantora Demi Lovato, 25, foi internada em um hospital de Los Angeles após uma suposta overdose de heroína, segundo informação do site americano TMZ. A cantora foi achada desacordada, um pouco antes do meio-dia (horário local), em uma casa no bairro Hollywood Hills, e encaminhada ao hospital.

Antes da overdose, a equipe da cantora já havia sugerido que ela procurasse ajuda, mas a cantora se recusou a se internar, segundo site TMZ. A internação de Demi, cuja causa não foi confirmada pela cantora, não foi uma surpresa para as pessoas próximas. Amigos e familiares desconfiavam que ela havia voltado a usar drogas e notaram sinais de que ela estava tendo uma recaída.

As pessoas próximas à cantora dizem que Demi vinha enfrentando problemas mesmo antes do lançamento de "Sober", canção em que narra seu esforço para superar o alcoolismo e se desculpa por não estar sóbria. "Me acorde quando a tremedeira tiver acabado e quando o suor frio desaparecer. Me chame quando isso acabar e quando eu sou reaparecer. Mãe, me desculpe, eu não estou mais sóbria. Pai, por favor me desculpe pela bebida derramada no chão."

A situação se agravou no começo de julho, quando a cantora brigou com seu conselheiro de sobriedade. Ela teria alegado, em uma discussão, que ele estava traindo sua confiança. 

Demi Lovato teve problemas com o vício em álcool e drogas no começo de sua carreira e passou por internações para tratar transtornos alimentares e psicológicos em 2010. Em março de 2018, ela chegou a comemorar seis anos de sobriedade. 

Assim que foi divulgada a informação sobre a overdose da cantora, os fãs logo começaram a postar mensagens de apoio nas redes sociais, o que levou a hashtag #PrayForDemi ao topo dos assuntos mais comentados no Twitter. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade