Publicidade
Quarta-Feira, 14 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 30º C
  • 22º C

Corpo de Amy Winehouse é cremado em Londres

Cerimônia íntima teve apenas famílias e amigos. Ex-marido cumpre pena por roubo e foi banido do evento

Redação ND
Florianópolis
R7/ND

Kelly Osbourne usa penteado em homenagem a Amy na cerimônia fúnebre em Londres

Terminou na manhã desta terça-feira (26), no norte de Londres, a cerimônia fúnebre da cantora Amy Winehouse, realizada no cemitério Edgwarebury. Segundo informações da Rede Record, o pai fez um discurso lembrando momentos felizes da vida da cantora.

 

Os cerca de 200 convidados, entre familiares e amigos mais próximos, deixaram o local e seguiram para o crematório da cidade. O corpo de Amy foi cremado às 11h, horário de Brasília.

A cantora Kelly Osbourne chegou ao local da cerimônia com o cabelo que lembra o penteado que virou marca registrada de Amy. Atitude que é seguida por outras poucas pessoas comparecem ao local. O produtor Mark Ronson também chegou cabisbaixo para o funeral.

Segundo o tabloide britânico "Metro", o ex-marido de Amy, Blake Fielder-Civil, foi banido da cerimônia a pedido do pai da cantora. "Seria um completo insulto ele estar lá", disse Mitch. O jornal também diz que Blake ficou de fora do testamento de 10 milhões de libras, deixado pela cantora. O ex está preso cumprindo pena de 32 meses por roubo.

De acordo com publicações locais, incluindo o "Jewish Chronicle Online", fonte de informações da comunidade judaica britânica, a cerimônia segue preceitos da tradição judaica. A decisão teria sido tomada pelos pais de Amy, Mitch e Janis Winehouse, de famílias judias.

 

Causa continua indeterminada

Uma necrópsia realizada nesta segunda-feira (25) no corpo de Amy Winehouse obteve resultados inconclusivos sobre o motivo de sua morte. Amostras de sangue e tecidos foram colhidas para analisar a presença de drogas, álcool ou outras substâncias suspeitas no corpo de Amy.  Os resultados dos exames toxicológicos devem sair entre duas e quatro semanas.

O crematório de Golders Green, em Londres (Foto: Pedro Caiado/G1)O crematório de Golders Green, em Londres

Mais cedo, um porta-voz da Polícia Metropolitana de Londres havia descartado a existência de "circunstâncias suspeitas" em torno da morte de Amy Winehouse. Em outras palavras, a polícia não encontrou evidências de crime.

Segundo a BBC, o resultado do inquérito policial sobre as circunstâncias da morte não sairá antes 26 de outubro.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade