Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Cantor francês Nicola Són apresenta em Florianópolis show de seu terceiro álbum autoral

Nicola Són mistura a música francesa com a brasileira em seus três álbuns; “Sampathique” associa a melodia francesa ao ambiente musical de São Paulo

Marciano Diogo
Florianópolis
08/09/2016 às 09H36

A típica musicalidade brasileira foi o que motivou o cantor parisiense Nicola Són, 36, a viver no país. “O que me atraiu para o Brasil foi à música, meu sonho é um dia cantar igual João Gilberto”, afirma o violonista francês que apresenta hoje e amanhã [quinta-feira] em Florianópolis o show de seu terceiro álbum autoral, “Sampathique”. Com cinco letras em francês e outras cinco em português, o álbum associa a melodia francesa ao ambiente musical de São Paulo, cidade em que o artista é radicado desde 2013. “Trago uma pegada mais moderna e experimental, com batidas sintéticas e groove e influências do samba-rock e afrobeat”, conta o compositor.

Nicola Són apresenta dois shows gratuitos em Florianópolis - Gal Oppido/Divulgação
Nicola Són apresenta dois shows gratuitos em Florianópolis - Gal Oppido/Divulgação


De família de origem armênia, Nicola iniciou na música ainda na infância com aulas de flauta doce. Na juventude, migrou do instrumento de sopro para o de cordas e começou a tocar violão. O artista se apresentou na Capital pela última vez em 2014 e tem um trabalho de pesquisa musical voltado para mistura da melodia brasileira com a francesa: “Sampathique” é seu terceiro álbum que dialoga com o Brasil – o primeiro disco, “Parioca” (2011), tem influência do samba carioca e bossa nova, enquanto o segundo “Nord Destin” (2013) traz referências da música nordestina.

“Em todos os três discos trabalho um conceito de mistura cultural a partir da música regional. Creio que impor barreiras em consequência da distância geográfica dos lugares é limitar a música. Procuro pensar como brasileiro e compor como francês”, brinca Nicola, que chegou a morar no Rio de Janeiro antes de se mudar para São Paulo.

A autenticidade musical de Nicola Són está justamente na mistura de influências, tanto na melodia quanto na letra. “No primeiro e segundo disco faço adaptações a traduções de canções brasileiras para o francês, em ‘Sampatique’ trago o inverso, faço a adaptação de uma música francesa para o português. Em canções de todos os discos trago letras que fazem alusão à região. Esse último álbum tem muito a ver com São Paulo e o ritmo da cidade, falo de encontros, vida urbana, trânsito, balada, entre outros temas”, adianta o cantor francês, que se apresenta na Capital acompanhado da banda integrada por baixo, bateria, teclado, sax, flauta e trombone. Saiba mais em www.nicolason.com.

Assista o clipe “No Transito” de Nicola Són:

141 anos de TAC
O show de Nicola Són em Florianópolis integra a programação de aniversário dos 141 anos do Teatro Álvaro de Carvalho. A programação que celebra o aniversário do equipamento cultural também promove espetáculos gratuitos. Na sexta (10) às 20h acontece um recital de piano clássico, no sábado (11) às 20h o sarau literomusical “Carvalho: Dramaturgo e Oficial da Marinha” e a peça “Raimundo e Concurso de Poesia”, e no domingo às 19h30 é apresentado o espetáculo “Rádio Loquaz - Pausa de se Ouvir” do Grupo de Teatro O Dromedário Loquaz, uma das companhias de teatro mais antigas da Capital.

O quê: Show solo Nicola Són
Quando:
7/9, 18h30
Onde:
Jurerê Open Shopping, av. das Raias, 400, Jurerê Internacional, Florianópolis, tel. 48 32615500
Quanto:
Gratuito, retirada dos ingressos uma hora antes

O quê: Show Nicola Són com banda
Quando:
8/9, 20h30
Onde:
Teatro Álvaro de Carvalho, rua Marechal Guilherme, 26, Centro, Florianópolis, tel. 48 36656400
Quanto: Gratuito, retirada dos ingressos uma hora antes

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade