Publicidade
Sábado, 22 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

Após renúncia, segunda colocada no Miss Mundo Brasil assume o título

A Miss Mundo Sergipe Ana Luísa Castro, vencedora do concurso, tem uma união homologada na Bélgica

Redação ND
Florianópolis
Leonardo Rodrigues/MMB
Catharina é Miss Mundo Ilhabela


A paulista Catharina Choi Nunes, 25, assume a partir desta segunda-feira, o título de Miss Mundo Brasil 2015, após renúncia da primeira colocada no concurso, Ana Luísa Castro.

Segundo o site oficial do Miss Mundo Brasil, o estado civil da miss não atende às exigências prescritas no regulamento, e ela optou por abrir mão do título. "É importante ressaltar que a organização do Miss Mundo Brasil não estava ciente do estado civil da candidata, que tem uma união homologada em outro país e decidiu por manter o processo de homologação para reconhecimento no Brasil. A organização do concurso respeita a decisão de Ana Luísa Castro, agradece o apoio nesse momento e deseja a ela muito sucesso profissional e pessoal", informou o anúncio oficial. 

Com ascendência coreana, Catharina Choi tem 1,77m de altura trabalha como modelo e foi apresentadora de televisão na Coréia do Sul durante dois anos. Ela domina o idioma fluentemente, além do inglês. A nova Miss Mundo Brasil representou Ilhabela no concurso e atualmente mora em São Paulo.

A final Miss Mundo Brasil 2015 aconteceu na noite de sábado (27) no Teatro Governador Pedro Ivo, em Florianópolis, junto ao Mister Brasil 2015. No total, 37 misses e 42 misters disputaram os títulos nacionais. As provas preliminares, que valem, pontos classificatórios para a final, foram disputadas em Jurerê Internacional, com sede no hotel Il Campanário Villaggio Resort .

Nota de esclarecimento enviada à organização do Miss Mundo Brasil

“Anteriormente a minha candidatura ao concurso Miss Mundo Brasil, informei ao meu coordenador estadual sobre a união com Tanguy De Backer na Bélgica, união esta que está em processo homologação tanto na Bélgica quanto no Brasil. 
Com a orientação e informação dada pelo meu coordenador estadual de que a organização do concurso estava ciente e de acordo com a minha candidatura, segui em frente com toda a minha dedicação e esperança como representante de Sergipe no Miss Mundo Brasil. Infelizmente, não era o caso. Só após a coroação isso me foi revelado.
Esta homologação pode se dar em um futuro próximo, o que poderia causar problemas para mim e para o concurso nacional. Por isto, é através dessa nota que entrego a coroa e o título a vice Miss Mundo Brasil, com grande tristeza no coração. Asseguro que em nenhum momento agi de má fé. Espero manter o contato e amizade com a organização do Miss Mundo Brasil e que a segunda colocada possa assumir e honrar este título com a mesma intensidade que o fiz nesse curto período de tempo.”

Leonardo Rodrigues/MMB
Miss Mundo Sergipe na prova de vestido de gala


*Com informações do site Miss Mundo Brasil.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade