Publicidade
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Vereador com maior número de votos em Florianópolis, Pedrão sonha com a prefeitura

Eleito pelo PP, Pedrão diz que gastou R$ 17 mil na campanha, focada no corpo a corpo nas ruas e na utilização de mídias sociais

Alessandra Oliveira
Florianópolis
03/10/2016 às 15H51

Maturidade e experiência. Essas são as virtudes que o vereador reeleito Pedro de Assis Silvestre, 29, o Pedrão (PP) diz que levará para seu segundo mandato na Câmara de Vereadores de Florianópolis. Reeleito com  11.197 votos, um recorde  na história de Santa Catarina, o pepista conta que gastou R$ 17 mil na campanha, que teve como principais focos o corpo a corpo nas ruas e a utilização das mídias sociais.

Feliz com o resultado, Pedrão não esconde o seu sonho de ser prefeito de Florianópolis. "Não pretendo atuar no Executivo agora, não fui eleito para isso. Mas trabalho para um dia, quem sabe, ser o chefe do Executivo", disse, ao lembrar que cuidar do meio ambiente e da questão do tratamento de esgoto serão suas bandeias no Legislativo.

Pedrão foi eleito com mais de 11 mil votos - Daniel Queiroz/ND
Pedrão foi eleito com mais de 11 mil votos - Daniel Queiroz/ND



Nas eleições de 2012, Pedrão alcançou 2.690 votos. O vereador mais votado da Capital em 2016 disse nesta segunda-feira (3) que não acreditava no resultado. “Tínhamos uma meta, mas não imaginávamos que ela seria alcançada de fato. É muita gente confiando em mim. O resultado surpreendeu toda a equipe. Isso aumenta ainda mais a minha responsabilidade”, disse. Ao relembrar sua atuação durante o primeiro mandato, Pedrão destacou a implantação da lei que exige captação da água da chuva na construção de todos os prédios com mais de 200 m² e ainda a escola de capacitação técnica e nivelamento para vereadores. “Com este curso, os novos integrantes da Câmara saberão como se cria uma lei e chegarão no dia da posse entendendo como funciona o Legislativo. No Brasil, 80% das leis são inconstitucionais, apresentam falhas, o que é um desserviço à sociedade”, ponderou.

Ainda comemorando os bons resultados, o vereador reeleito falou do sucesso da campanha nas redes sociais que se refletiu nas ruas. “Encontrei uma senhora quando estava indo votar. Ela me disse que tinha 86 anos e que era o último voto de sua vida. Isso ainda me arrepia. Nos sinais de trânsito, jovens me disseram que me dariam o seu primeiro voto e que eu não podia decepcioná-los”, detalhou o vereador. Ao falar sobre a nova composição do Legislativo, Pedrão se disse satisfeito com a renovação que inclui uma vereadora. “A mudança não é somente em questão de idade e sexo, mas também de mentalidade. São pessoas que conheço, que tem bandeiras voltadas às causas ambientais e animais, todas muito favoráveis para a cidade. A Câmara ficou bem eclética o que proporcionará um bom discurso parlamentar”, destacou, ao pedir que a população acompanhe de perto o trabalho dos vereadores e cobre melhorias para a Capital. Pedrão diz que acredita que com a participação dos moradores da cidade é possível tornar a Câmara protagonista das ações políticas na cidade. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade