Publicidade
Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Teste com mudanças no trânsito do bairro Santa Mônica começa com polêmica

Morador retirou cones colocados para interromper quatro dos oito retornos na Avenida Madre Benvenuta

Cristiano Rigo Dalcin
Florianópolis
10/10/2018 às 19H00

O que era para ser o início de um período de testes para verificação das condições do trânsito da Avenida Madre Benvenuta, por pouco não vira uma confusão graças a uma atitude intempestiva de um comerciante descontente. Duas horas após o fechamento de quatro dos oito acessos da avenida, ele retirou os cones de plástico afixados com pregos de ferro em três acessos.

O retorno foi fechados novamente, com apoio da Guarda Municipal, que foi acionada pelo Diope (Diretoria de Operações de Trânsito). De acordo com o diretor de Operações de Trânsito, Fabrício Justino, os acessos foram fechados às 7h em operação realizada inicialmente com apoio dos PMs do posto localizado no bairro. Os acessos foram fechados nas ruas Eurico Hosterno, João Carlos de Souza, Dr. Agostinho Sielski e Professor Paulo Roberto Martins.

Porém, vários motoristas ficaram descontentes com a alteração, que visa garantir maior fluidez no trânsito, e dirigiram ofensas ao próprio Justino, que se retirou do local por volta das 9h, antes do comerciante arrancar os cones que fechavam três acessos da avenida. Diante do fato, o Diope repassou a situação para a assessoria jurídica da prefeitura, que decidiu registrar um boletim de ocorrência contra o morador, por depredação de patrimônio público.

Surpreso com a atitude inesperada do comerciante, Justino relata que as alterações tiveram aval da comunidade. “Isso que se tratava de um teste e não é uma alteração definitiva. Antes de fazer qualquer coisa, fizemos uma consulta na região, e tivemos a aprovação de 71% dos consultados sobre a mudança”, relata Justino. Agora, a Diope estuda a implantação de gradios de ferro, que podem inclusive coibir o trânsito de motocicletas pelos acessos, diferente dos cones que ainda permitem a passagem.

Ainda nesta quarta-feira, as ruas do entorno da praça da Acojar receberam nova sinalização para também proporcionar maior fluidez nas ruas que funcionarão como retorno. “Ainda é cedo para fazer qualquer avaliação, mas durante as duas horas que os acessos ficaram fechados, o trânsito fluiu bem”, afirma Justino. Na próxima semana, a Diope também vai alterar o tempo do semáforo em frente à base da Polícia Militar.

As alterações realizadas nesta quarta-feira e outras melhorias deverão ser discutidas novamente em audiência pública que está marcada para o próximo dia 18, às 19h30min, na sede da Acojar (Associação dos Moradores do Jardim Santa Mônica).

Publicidade

5 Comentários

Publicidade
Publicidade