Publicidade
Sábado, 17 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Terminal do Centro de Florianópolis passa a contar com internet sem fio gratuita

Saiba como se conectar. Serviço estará disponível no terminal da Trindade a partir da semana que vem

Michael Gonçalves
Florianópolis

O Consórcio Fênix começou nesta quinta-feira (11) a fornecer internet sem fio gratuita no Ticen (Terminal de Integração do Centro), em Florianópolis. O serviço é disponibilizado para os cerca de 140 mil usuários do transporte coletivo por meio da rede “fenixconecta”. A partir da próxima quinta-feira, o sinal wi-fi também estará disponível no Titri (Terminal de Integração da Trindade). O usuário pode utilizar a internet durante uma hora por dia em cada terminal.

Bruno Ropelato/ND
Alheia à novidade, Rosangela consumia pacote de dados enquanto esperava o ônibus


Sem saber da novidade, a advogada Rosangela Bruno Schmidt, 62 anos, consumia o seu pacote de dados enquanto esperava o coletivo para o bairro Agronômica. “É uma excelente iniciativa que trará mais conforto para os passageiros. Sou do tipo que utilizo a internet no celular para o trabalho e essa hora gratuita vai me ajudar nos meus gastos. Costumo contratar mais de um pacote por dia para conversar com os meus clientes”, contou.

O coordenador técnico do Consórcio Fênix, Rodolfo Guidi, informa que o acesso permite a navegação e o uso de redes sociais, porém não libera o uso de sites que demandem alto consumo de dados, como “streaming” de vídeos e downloads. O acesso é filtrado pela equipe técnica do consórcio. Os conteúdos considerados restritivos ou nocivos às boas práticas da internet são automaticamente bloqueados. Neste conceito estão os casos de pornografia.

Os outros quatro terminais de integração devem oferecer o mesmo serviço nos próximos meses. “A previsão inicial é que até o fim do ano todos os terminais tenham sinal de internet gratuita através da rede fenixconecta. Na próxima quinta-feira é a vez do Titri. O usuário terá à disposição uma hora de uso do serviço de internet assim que realizar o login. Este comportamento vale para cada terminal que o usuário se logar, mas não é cumulativo”, explicou Guidi. Segundo o coordenador do Consórcio Fênix, o serviço de internet não é contemplado no valor da tarifa.

Surpresa e crítica

O pedreiro Valdemir da Cruz, 38 anos, também não sabia do serviço de internet gratuita disponibilizado pelo Consórcio Fênix no Ticen. Ele disse que, normalmente, espera pelo ônibus do Córrego Grande por mais de 20 minutos. Quando foi abordado pela reportagem do ND, ele estava ouvindo música no celular. “Vou aproveitar e ligar agora pelo WhatsApp para um amigo”, disse o pedreiro, que não conseguiu completar a chamada. “Até que enfim pensaram um pouco no usuário. Difícil é acreditar em um serviço gratuito e de qualidade para a população, sem que eles queiram algo em troca”, completou. O coordenador do Consórcio Fênix, Rodolfo Guidi, ressalta que a internet sem fio é um passo importante na implantação de um sistema de inteligência para os passageiros.  

COMO CONECTAR

Identifique e selecione a rede “fenixconecta”

Preencha um cadastro com CPF, crie um login e uma senha. É necessário e-mail válido para realizar o cadastro

Um e-mail de ativação será enviado para o endereço eletrônico informado e o usuário tem 48 horas para validar. Durante esse período, o acesso à rede é liberado

É necessário estar em um dos terminais e conectar-se à rede “fenixconecta” para realizar o cadastro

É importante que o aparelho esteja com o compartilhamento de conexão desabilitado

Em 60 dias, o sistema solicitará um número de cartão Passe Rápido para validação. Caso não seja informado, a navegação será bloqueada até regularização. É necessário informar um número válido de cartão, que tenha sido usado pelo menos uma vez nos últimos 40 dias (recarga ou passagem)

Cada usuário pode usar o serviço uma hora por dia para cada terminal, não cumulativo. Ou seja, se passar por dois terminais, o tempo de conexão restante do terminal anterior não se transfere para o próximo. Este tempo de uma hora é baseado no limite máximo médio para conexão dos veículos em terminais.

Fonte: Consórcio Fênix

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade