Publicidade
Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Tempestade derruba figueira na Praça dos Namorados, no Centro de Florianópolis

A árvore tinha mais de 20 anos e havia sido plantada por uma moradora do bairro

Redação ND
Florianópolis
23/12/2017 às 19H34

A forte chuva que atingiu Florianópolis no final da tarde deste sábado (22) derrubou uma figueira de mais de 20 anos na Praça dos Namorados, no Centro de Florianópolis. Equipes do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil Municipal e também da Celesc (Centrais Elétricas de Santa Catarina) foram até o local por volta das 18h40 para a retirada dos galhos. A árvore havia sido plantada por uma moradora do bairro e não chegou a atingir ninguém durante a queda. 

Figueira havia sido plantada por uma moradora da região - Bruno Volpato/Divulgação/ND
Figueira havia sido plantada por uma moradora da região - Bruno Volpato/Divulgação/ND



Segundo a Secretaria de Estado da Defesa Civil, o risco de temporais continua até a tarde deste domingo (24). O alerta vale para todas as regiões do Estado. Há chance de pancadas de chuva com descarga elétrica, vento acima de 60 km/h e queda de granizo. Principalmente no Oeste e no Norte de Santa Catarina, o acumulando de chuva pode ficar entre 50mm a 70mm entre a madrugada e a tarde de domingo. 

Confira as recomendações da Defesa Civil:

-Proteja-se em local abrigado, longe de placas, de árvores, de postes de energia e de objetos que podem ser arremessados. Se não encontrar um abrigo, agache-se com os pés juntos, com a cabeça encostada em seu peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo suas orelhas ou apoiadas em seus joelhos. Se estiver na praia, jamais fique na água;

- Não olhe para o raio;

- Se estiver em casa ou qualquer outro local abrigado, desligue os aparelhos eletrônicos, não use o telefone, fique longe das janelas e lembre-se, o banheiro em alvenaria é o melhor local durante uma tempestade;

- Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros no número 193.

Publicidade

4 Comentários

Publicidade
Publicidade