Publicidade
Segunda-Feira, 24 de Julho de 2017
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 15º C

Tarifa do transporte coletivo de Florianópolis subirá 11% em 2017

Tarifa com cartão passa de R$ 3,34 para 3,71 e, em dinheiro, de R$ 3,50 para R$ 3,90

Felipe Alves
Florianópolis
30/12/2016 às 18H28

O prefeito de Florianópolis Cesar Souza Júnior (PSD) reajustou em 11,3% as tarifas para o transporte coletivo da Capital, que valem a partir da meia-noite de 8 de janeiro de 2017. A alteração foi publicada no Diário Oficial do Município de quinta-feira (29), sob o decreto 16.968.

Com o reajuste, os usuários que pagarem a tarifa urbana em dinheiro desembolsarão R$ 3,90 (hoje a tarifa é R$ 3,50). A tarifa com cartão magnético passará de R$ 3,34 para R$ 3,71. A tarifa social em dinheiro ficará R$ 2,80 (antes era R$ 2,25) e com o cartão sairá por R$ 2,18 (antes era R$ 1,96). Os ônibus de transporte executivo terão tarifas de R$ 8,50 para linhas longas (antes era R$ 7,75) e R$ 6,50 para linhas curtas (um aumento de R$ 0,50).

De acordo com a assessoria de comunicação da Secretaria de Mobilidade Urbana de Florianópolis, o aumento levou em conta cinco variações anuais: óleo diesel (4,11%), custo da mão de obra (13,74%), Índice Geral de Preços (6,77%), adequação (2,67%) e gastos com veículos, automotores, reboques, carrocerias e autopeças (7,51%). O reajuste está previsto no contrato com o Consórcio Fênix.

 

Como ficam os novos valores

Pagamento em dinheiro (tarifa urbana): R$ 3,90

Pagamento em dinheiro (tarifa social): R$ 2,80

Pagamento com cartão (tarifa urbana): R$ 3,71

Pagamento com cartão (tarifa social): R$ 2,18

Pagamento com cartão (tarifa social especial): R$ 2,18

Estudante (tarifa urbana): R$ 1,85

Estudante (tarifa social): R$ 1,09

Transporte executivo: R$ 8,50 (linha longa) e R$ 6,50 (linha curta)

 

Valores atuais

Pagamento em dinheiro: R$ 3,50

Pagamento em dinheiro (tarifa social): R$ 2,25

Pagamento com cartão: R$ 3,34

Pagamento com cartão (tarifa social): R$ 1,96

Estudantes: R$ 1,67

Estudantes (tarifa social): R$ 0,98

Transporte executivo: R$ 7,75 (linha longa) e R$ 6 (linha curta)

Publicidade

2 Comentários

  • Edemilson
    O ND já divulgou neste espaço superfaturamento nas planilhas de cálculo das empresas de transporte urbano da capital, através de analises do TC(do município ou Estado, não recordo),o que parece ter sido ignorado pelas autoridades competentes(ou incompetentes).
    E a farra do transporte coletivo da capital continua, com o povo pagando a conta.
    Já o Cesinha, ao assinar este decreto, fechou com chave de ouro sua péssima gestão. Que o povo lembre disso quando ele se apresentar novamente como candidato a um novo cargo politico..
    Nauzi Bento
    mas é o novo prefeito vai asseita esse aumento
Publicidade
Publicidade
Publicidade