Publicidade
Terça-Feira, 18 de Dezembro de 2018
Descrição do tempo
  • 31º C
  • 22º C

Uma tarde para realizar sonhos de Natal em escola de São José

Os alunos da Escola Américo Vespúcio Prates receberam os presentes do Papai Noel dos Correios na tarde desta quarta-feira

Saraga Schiestl
São José

Foto Washington Fidélis

Paloma mostra a cartinha e o presente que recebeu


Centenas de caixas de papelão repletas de cartinhas se enfileiravam em mesas do centro de distribuições dos Correios, em São José, durante semanas. Todas escritas por alunos de escolas públicas municipais e estaduais de São José como parte da 10ª edição do projeto Papai Noel dos Correios e esperando por uma adoção.

A equipe do Notícias do Dia decidiu ajudar o bom velinho e escolheu a carta de Paloma e entre tantos pedidos, um deles chamou a atenção. Uma menina de 8 anos, aluna da segunda série na Escola Américo Vespúcio Prates no bairro Barreiros, dizia que acreditava no Papai Noel mesmo com alguns adultos dissessem que o bom velinho não existe.

Seu nome é Paloma de Souza e para o Natal, sonhava com uma boneca Barbie. Um presente que é consenso entre as meninas da sua idade. Ontem, a dona da cartinha colorida com desenhos de árvores de Natal, observadora, de olhos escuros e vestida com um figurino cor-de-rosa, escolhido especialmente para a ocasião, estava entre as dezenas de amigos que esperavam pelo Papai Noel dos Correios.

Tímida, Paloma recebeu o presente das mãos do Papai Noel, dando um abraço apertado no velhinho. Ao abrir o pacote cor-de-rosa, os olhos da menina brilharam ao ver a Barbie vestida em um longo vestido de festa lilás. Essa é a segunda boneca de Paloma, um brinquedo para ela brincar sozinha, já que os irmãos estão crescidos.

 

Muitos amigos

A menina mora em um pequeno apartamento nos arredores da escola com a mãe, uma irmã e uma sobrinha recém-nascida. “Ela perdeu o pai em agosto, por isso mudamos da Tapera para São José. Me surpreendi com a facilidade da Paloma fazer amigos na nova escola”, conta a mãe da pequena, Ana Cristina Souza.

Em quatro meses no novo colégio, além de conquistar amigos, Paloma também foi destaque nos estudos. “Minha matéria predileta é português”, diz a menina, que entre as promessas ao bom velinho, garantiu que vai continuar sendo uma boa aluna em 2011.

 

 

 

O projeto

 

O Papai Noel dos Correios está em sua 10ª edição. A campanha social recebe cartas de crianças matriculadas em creches e escolas municipais e estaduais. A ação começou a mais de 20 anos, quando os próprios carteiros, sensibilizados com as cartinhas endereçadas ao Papai Noel, tentavam realizar o sonho de crianças que provavelmente não teriam presentes no Natal. 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade