Publicidade
Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 24º C
  • 18º C

Sindicato orienta motoristas e cobradores a parar em caso de novo ataque em Florianópolis

O Sintraturb também recomenda que a população não se desloque de ônibus entre as 18h30 e 6h15 até que a situação esteja normalizada na região

Redação ND
Florianópolis
Eduardo Valente/ND
Ônibus foi incendiado no bairro Saco dos Limões na noite de domingo

 Atualizada às 13h

Após os últimos atentados a ônibus, o Sintraturb (Sindicato do Trabalhadores do Transporte Urbano da Grande Florianópolis) publicou nesta segunda-feira um vídeo orientando os trabalhadores a pararem as atividades caso haja um novo ataque. Eles também orientam a população a não se deslocar de ônibus entre as 18h30 e 6h15 até que a situação esteja normalizada na região. O sindicato reforça que as escoltas policiais são importantes mas não suficientes para atender toda frota de coletivos da Grande Florianópolis. 

Segundo publicação: "Os trabalhadores e usuários de transportes são os que ficam mais expostos nessas situações de risco. O Sintraturb pede que trabalhadores e usuários não reajam, nem tentem deter essas ações e apenas saiam dos veículos".  

Madrugada sem ataques

Não houve novos atentados a ônibus na madrugada desta segunda-feira na Grande Florianópolis. De acordo com a Polícia Militar, o último atentado registrado foi o de um coletivo no bairro Saco dos Limões, na noite de domingo.

O atentado no Saco dos Limões foi o quinto na Grande Florianópolis desde sexta-feira (26). Nesse período também foram registrados ataques a duas casas de policiais militares, ao depósito da Polícia Civil no bairro Areias, em São José, e à base da Polícia Militar na Barra do Aririú, em Palhoça.

Guarnições ostensivas e descaracterizas mantêm rondas no entorno dos terminais de integração, na Capital, e nas garagens das empresas também nos municípios vizinhos, com possibilidade de escolta noturna pelo menos para os ônibus que atendem linhas consideradas de risco.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade