Publicidade
Sábado, 21 de Outubro de 2017
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 19º C

Sem a banda da Lapa, Zé Pereira deve acontecer neste domingo no Ribeirão da Ilha

Expectativa do conselho comunitário é que poucas pessoas participem este ano

Felipe Alves
Florianópolis
16/02/2017 às 23H26

Todo ano quando o Carnaval está se aproximando a pergunta é a mesma no Ribeirão da Ilha: vai ter Zé Pereira? Dessa vez, com a decisão da prefeitura de não desembolsar verba para a folia, a principal atração da festa, a centenária banda da Lapa, não vai tocar no evento. Mas mesmo sem a atração principal, o domingo pré-Carnaval é marcado como o dia de festa no Ribeirão da Ilha. Por isso, mesmo sem a banda, o evento deve acontecer.

No ano passado, 40 mil pessoas participaram do Zé Pereira. Para este ano, a expectativa do presidente do Conselho Comunitário do Ribeirão, Álvaro Dias, é que, sem a música, a festa seja realizada com menos gente. A infraestrutura de grades e banheiros químicos não estará no local, mas o conselho pediu apoio da Polícia Militar.  

Ribeirão da Ilha fica lotado em dia de Zé Pereira - Rosane Lima/Arquivo/ND
Ribeirão da Ilha fica lotado em dia de Zé Pereira - Rosane Lima/Arquivo/ND



Este domingo será de grandes eventos na cidade. Além do Zé Pereira, haverá jogo do Avaí na Ressacada às 10h, o DJ Alok vai tocar de graça no Centro, três escolas de samba realizam desfile técnico na passarela Nego Quirido e ainda haverá o espetáculo Rock´n Camerata na avenida Beira-Mar Norte. Para atender à demanda e dividir o efetivo em todos os eventos, a Polícia Militar solicitou que o jogo do Avaí fosse realizado às 10h de domingo, e não à tarde como é de costume. De acordo com o comandante do 4º Batalhão da PM, Marcelo Pontes, a Guarda Municipal também estará presente no Ribeirão desde a manhã de domingo.

O policiamento é justamente uma das preocupação de quem mora no Ribeirão e também de quem frequenta o Zé Pereira, já que conflitos em outros anos foram registrados na festa. Mesmo sem saber que o Zé Pereira seria realizado este ano, alguns blocos se organizaram para a folia. É o caso do Bloco da Caverna, que reúne familiares e conhecidos há 10 anos no domingo pré-Carnaval. O bloco, para cerca de 200 pessoas, é fechado, mas acaba se misturando ao Zé Pereira. “O Zé Pereira já é tradição, não tem como proibir por que o pessoal da Tapera, da Costeira e do Ribeirão vai mesmo assim”, afirma um dos organizadores, Vinicius Maurílio da Silva.

 

Joga na água

Tradição há mais de um século, o Zé Pereira surgiu como uma festa da comunidade no Ribeirão da Ilha em que o pessoal curtia o Carnaval e se jogava nas águas do mar depois da folia. Nos últimos anos, o evento tomou grandes proporções – só no ano passado foram 40 mil pessoas – o que divide a opinião de quem mora no local. Durante um dia a pacata comunidade do Ribeirão vira uma festa a céu aberto. Com o crescimento do Zé Pereira, muitos moradores criticam a falta de estrutura do local para receber tanta gente, principalmente pelos conflitos e brigas que anos anteriores, mas outros defendem a continuidade da tradição.

 

Shows no Mercado Público

Sem a realização do Berbigão do Boca este ano, os comerciantes do Mercado Público se organizaram e montaram uma programação de shows para o Carnaval no Centro da cidade. Nesta sexta, três bandas vão agitar o vão central do Mercado: às 11h30 tem Mike e a Liga, às 15h30 tem Estação Pop, e às 19h30 tem Entre Elas.

De segunda a sábado, até o Carnaval, haverá atrações no Mercado, que também abre neste e no próximo domingo para aproveitar o bom movimento do Centro com o Carnaval. De acordo com Aldonei Brito, presidente da Associação dos Comerciantes do Mercado Público, os shows são bancados pelos próprios comerciantes e um patrocinador privado.

Programação do Mercado Público

Sexta-feira (17) – Mika e a Liga (11h30), Estação Pop (15h30) e Entre Elas (19h30)

Sábado (18) – Portal do Choro (12h)

Segunda (20) – Nelson Viana (12h) e Lucca Diniz (18h)

Terça (21) – Michel de Moraes (12h) e Bira (18h)

Quarta (22) – Alexandre Macuco (12h) e Patrícia Mell (18h)

Quinta (23) – Robson Dias (12h) e Julio Black (18h)

Sexta (24) – Nelson Viana (12h) e Mike e a Liga (18h)

Sábado (25) – Quem Diria Maria (12h)

Segunda (27) – Bruno Mello (12h) e Kvox e Banda (18h)

Publicidade

1 Comentário

Publicidade
Publicidade