Publicidade
Quinta-Feira, 20 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 18º C

Santo Amaro da Imperatriz comemora 60 anos de emancipação nesta terça-feira

Conhecida pelas águas termais, a cidade celebra aniversário e planeja o crescimento e desenvolvimento sustentável

Everton Palaoro
Santo Amaro da Imperatriz
10/07/2018 às 10H34

O município de Santo Amaro da Imperatriz ce­lebra hoje 60 anos de emancipação político-admi­nistrativa. Situada a 25 quilômetros da Capital, a cidade traça planos para consolidação como desti­no turístico de águas termais.

Encravada nos pés da Serra do Tabuleiro, San­to Amaro da Imperatriz é rica em belezas naturais. Atualmente, são 23 mil habitantes de origem ger­mânica, açoriana, indígena e negra.

Santo Amaro da Imperatriz é repleto de belezas naturais e tenta alavancar o turismo e a economia - Divulgação/ND
Santo Amaro da Imperatriz é repleto de belezas naturais e tenta alavancar o turismo e a economia - Divulgação/ND


O prefeito Edésio Justen (PSDB) aposta no po­tencial turístico para alavancar a economia da cidade. A prefeitura está com três planos em an­damento: turismo, saneamento básico e o Plano Diretor Participativo. Estamos trabalhando a cida­de em várias dimensões e dando um ordenamento que irá garantir o crescimento com desenvolvimen­to social e econômico”, argumentou o prefeito.

O município vive da agricultura familiar, da indústria e também da mão de obra qualificada e diferenciada em construção civil. No turismo, Santo Amaro da Imperatriz é destaque pelas fa­mosas águas termais. A cidade oferece a água di­reto da fonte com 42°C.

Os visitantes podem conhecer o centenário hotel Caldas da Imperatriz, que inicialmente fun­cionava como hospital devido às funcionalidades terapêuticas das águas termais. Depois da visita do casal imperial, em outubro de 1845, o estabeleci­mento foi transformado em hotel.

Os primeiros registros da existência de águas termais do Rio Cubatão surgiram em 1809. Três anos depois, amostras engarrafadas foram en­caminhadas à Corte e, em 1813, o Governo Im­perial tomou conhecimento que habitantes da vizinhança vinham em busca das águas para tratamento de doenças.

Em 1818, o Rei João VI baixou um decreto deter­minando a criação de um hospital, a Estância Ter­mal do Brasil. Devido ao vandalismo e da constru­ção de choupanas para a moradia temporária dos familiares dos doentes, 17 anos mais tarde, foi atri­buída a execução do empreendimento como hotel.

Dom Pedro II e Dona Teresa Cristina visitaram o estabelecimento em 1845 e pernoitaram no quar­to 33. Atualmente, existem outros empreendimen­tos que exploram as águas termais na cidade, mas Caldas é um pedaço da história.

PROGRAMAÇÃO

Terça-feira, 10 de julho

10h – Culto Ecumênico
11h – Praça Bacana
14h – Passeio Ciclístico – Saída da Celebrate, após a chegada sorteio de bicicleta
16h30 – Premiação Concurso Meio Ambiente
17h – Show com a banda Casa de Madeira
17h10 – Corte e distribuição do bolo
9h às 17h – Feira da Economia Solidária e praça de alimentação com food truck

Local: Praça José Rodolfo Turnes

Quarta-feira, 11 de julho

Exposição na Praça
Secretaria de Agricultura e Polícia Militar
Local: Praça Gov. Ivo Silveira - das 13h às 17

Feira da Economia Solidária - das 9h às 17h
19h – Apresentação do andamento do Plano Diretor
Local: Centro de Convivência da Melhor Idade

Sábado, 14 de julho

1ª Noite Cultural Braz Campos de Araújo
- Destaque Cultural
 - Entrega da comenda Braz Campos de Araújo
 - Apresentações Culturais
- Lançamento do livro “Epitáfio” – Celso Silva
- Exposição de Arte
- Exposição de Artesanatos
- Projeto livro na escola
Local: Centro de Convivência da Melhor Idade
Horário: 20h30

Corrida Rústica – Desafio Morro Queimado
Local: Saída da praça Gov. Ivo Silveira
Horário: 15h

4ªCopa Fescam de Artes Marciais
Local: Ginásio Nereu Ramos

Domingo, 22 de julho

Final do Campeonato Municipal de Dominó
Local: Bar do Jair – Vargem dos Pinheiros

Publicidade

1 Comentário

Publicidade
Publicidade