Publicidade
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 20º C

Saldo de vagas de emprego geradas em março foi negativo em Santa Catarina, segundo Caged

Mesmo superando o resultado do primeiro trimestre de 2016, resultado acompanhou a média nacional

Redação ND
Florianópolis
20/04/2017 às 23H03
Mutirão para entregar as carteiras de trabalho em Santa Catarina - Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas/Divulgação/ND
Foram registrados 83.737 admissões e 88.375 desligamentos de empregos existentes no estado - Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas/Divulgação/ND


O saldo de vagas de emprego geradas no mês de março foi negativo em Santa Catarina. Segundo o relatório do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado nesta quinta-feira (20) pelo Ministério do Trabalho, foram registrados 83.737 admissões e 88.375 desligamentos de empregos existentes no Estado, o que resultou em -4.638 vagas. O desempenho do mês, no entanto, acompanha o cenário nacional. Em todo o Brasil, o saldo de março foi de -63.624 vagas.

Especificamente no mês de março, na análise por setores, o resultado negativo em Santa Catarina foi puxado pela agropecuária, que registrou saldo de -3.587 postos de trabalho no mês, seguido do setor de serviços, com -1.521 vagas. O melhor resultado setorial veio da indústria da transformação, com saldo positivo de 1.352 postos de trabalho.

>> Brasil fecha 63,6 mil vagas de trabalho com carteira assinada em março

Mesmo com o resultado negativo de março, o saldo de vagas de emprego geradas no Estado ao longo dos três primeiros meses de 2017 supera o resultado do mesmo período do ano passado. Entre janeiro e março deste ano, o saldo foi de 21.504 vagas geradas em Santa Catarina, contra 8.201 vagas no acumulado dos três primeiros meses do ano passado.

Em 2017, no Estado o saldo foi de 11.284 novos postos de trabalho no primeiro mês do ano, enquanto no mês seguinte foram registrados 14.858. Entre os municípios com mais de 30 mil habitantes, os maiores saldos de empregos gerados no mês de março foram em Joinville (+633), São Bento do Sul (+318) e Criciúma (+305).

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade