Publicidade
Domingo, 23 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 18º C

Sala na Assembléia Legislativa pega fogo na manhã de sexta-feira, dia 7

Ninguém ficou ferido no incêndio que pode ter sido provocado por sobrecarga de energia que teria causado curto-circuito

Redação ND
Florianópolis

Vinte e dois extintores de gás carbônico e pó químico seco foram utilizados no controle do incêndio que atingiu nesta sexta-feira, dia 7, pela manhã, a sala 123 da Assembléia Legislativa.

Na sala funciona o gabinete do deputado Romildo Titon (PMDB).

Segundo a assessoria da AL, a perícia será realizada na segunda-feira, dia 10.

A causa especulada pelos Bombeiros, segundo a assessoria, é de sobrecarga de energia que teria causado curto-circuito na impressora e no computador, destruídos pelo fogo, além da divisória da sala, cadeiras e documentos.

Segundo os Bombeiros, a fumaça foi avistada por volta das 10h30.

As pessoas que estavam na Assembléia, que está em reformas, iniciaram o controle do incêndio, concluido pela equipe de Bombeiros.

 Não foi necessário usar água. Ninguém ficou ferido.

 

 

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade