Publicidade
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 28º C
  • 21º C

Revitalização do Terminal Cidade de Florianópolis ficará para o próximo ano

Estado não pode ceder área em ano eleitoral, mas deixará processo pronto para que o governador eleito possa enviar à Assembleia Legislativa o pedido de cessão

Redação ND
Florianópolis
07/11/2018 às 19H58

Com a transferência dos ônibus do transporte coletivo da Capital para o Ticen (Terminal de Integração do Centro), em 2003, o Terminal Cidade de Florianópolis, no Centro Histórico, ficou interditado durante sete anos. Reformado em 2010, em 2011 passou a receber as linhas intermunicipais. Com pouco movimento de usuários do transporte e pedestres, o terminal manteve-se praticamente abandonado nestes sete anos. Bancos quebrados, buraco na calçada da plataforma, tubulação danificada, moradores de rua dormindo embaixo dos bancos, furtos de celulares e usuários de drogas foram alguns dos problemas que o ND constatou durante produção de reportagem no dia 31 de julho deste ano.

Terminal Cidade - Flavio Tin/ND
Terminal Cidade - Flavio Tin/ND

Para resolver definitivamente a degradação do Terminal Cidade, o prefeito Gean Loureiro (MDB) pediu ao Estado a cessão da área com a intenção de revitalizar aquela região da cidade. A intenção, de acordo com Gean, é levar serviços para o local, como o Pró-Cidadão, além dos ônibus que já utilizam o espaço.

Em reunião com o secretário de Estado da Administração, Milton Martini, o prefeito também solicitou ao governo do Estado alguma intervenção imediata na região do terminal, com objetivo de garantir a segurança de pedestres e usuários dos ônibus. De acordo com Martini, o Estado não pode ceder nenhuma área em ano eleitoral e, por isso, deixará o processo pronto para que o governador eleito Carlos Moisés da Silva possa enviar à Assembleia Legislativa o pedido de cessão.

Em paralelo a isso, a prefeitura também fará uma reforma no entorno do terminal, mas não pode começar os serviços enquanto a área não for de propriedade do município. “Começamos pela revitalização da Casa de Câmara e Cadeia e agora queremos avançar para uma grande melhoria na região do terminal. No entanto, estamos impedidos legalmente de fazer qualquer melhoria ali”, disse Gean.

Município estuda propostas

Conforme o chefe de gabinete do prefeito, Bruno Oliveira, a prefeitura estuda propostas sobre a revitalização do Terminal Cidade. Uma delas, segundo Oliveira, é do Setuf (Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Florianópolis), que fecharia uma das plataformas para construção de uma área para o Pró-Cidadão e outros serviços à população como o CAT (Centro de Atendimento ao Turista), além de fazer a manutenção do local. Em troca, o sindicato poderia utilizar o terminal para os ônibus e explorar os serviços.

“A ideia do município é que não adianta só revitalizar a área. Precisamos levar gente para lá. Por isso o Pró-Cidadão e outros serviços. Levar gente para aquela área da cidade, inclusive, é um pedido dos comerciantes da região”, disse Oliveira. Os veículos de turismo deverão continuar utilizando o terminal.

Publicidade

2 Comentários

Publicidade
Publicidade