Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

Reserva em Biguaçu enfrenta desafios ao completar primeiro ano de criação

Parque Natural da Serra de São Miguel precisa de voluntários e recursos financeiros para desenvolver plano de manejo e pesquisas

Everton Palaoro
Biguaçu
23/07/2018 às 11H24

A primeira Unidade de Conservação de Biguaçu completou um ano. E os desafios para preservar a natureza ainda são muitos. Atualmente, os membros do órgão gestor buscam capacitação, recursos financeiros e humanos. As metas são: realizar o Plano de Manejo, a regularização fundiária, a demarcação de terras e o desenvolvimento de pesquisas.

Entre os avanços, estão a realização de expedições técnicas na área, o processo de criação do Conselho Consultivo do Parque e a elaboração e a execução de um Projeto de Revitalização de Trilha Ecológica já existente no local. A área é de 1.226 hectares e estudos revelam a ocorrência de aves, répteis, anfíbios, mamíferos e peixes com valores significativos para a conservação da biodiversidade no local, dentre eles a Saíra-Militar, o Tucano do Bico Verde, o Gato do Mato, o Graxaim e o Macaco Prego.

Parque tem mata densa e em diversos estágios de regeneração - Divulgação/PMB/Notícias do Dia
Parque tem mata densa e em diversos estágios de regeneração - Divulgação/PMB/Notícias do Dia


O planejamento do espaço tem caráter participativo, sendo principalmente relevante o envolvimento dos moradores e empreendimentos do entorno nos processos de gestão, monitoramento e fiscalização da UC.

As pessoas interessadas no processo de planejamento e gestão da UC podem contatar a Famabi (Fundação do Meio Ambiente de Biguaçu), pelo e-mail projetos.famabi@gmail.com ou pelo telefone (48) 3094-4197. Quem tiver interesse pode ir até a sede da fundação, que fica na rua Francisco Petry, 135, Centro. O horário de atendimento é de segunda à sexta-feira das 13h às 19h.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade