Publicidade
Quarta-Feira, 26 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 19º C

Renato Hinnig é confirmado secretário regional da Grande Florianópolis

Anúncio oficial foi feito pelo Twitter do governador Raimundo Colombo, mas Hinnig saiu na frente e tuitou minutos antes

Maiara Gonçalves
Florianópolis

 

Divulgação/ND
Hinnig assume a SDR com o maior orçamento do Estado, cerca de R$ 46 milhões

O governador Raimundo Colombo anunciou hoje (22) pelo Twitter mais sete nomes que compõem o secretariado regional, entre eles o do deputado estadual Renato Hinnig (PMDB) para a Secretaria de Desenvolvimento Regional de Florianópolis, a que recebe a maior fatia do orçamento estadual, cerca de R$ 46 milhões. O anúncio serviu apenas para oficializar o nome que já era especulado desde janeiro. O próprio Hinnig, a exemplo de Romualdo França (PMDB), novo secretário regional de Joinville, foi mais rápido que o governador e tuitou a nomeação antes mesmo anúncio oficial do democrata pela internet.

Além da Grande Florianópolis, que congrega 13 municípios da região, foram anunciados os secretários regionais de Blumenau, Mafra, Campos Novos, Concórdia, Itapiranga e Dionísio Cerqueira. Somados aos seis nomes divulgados por Colombo na segunda-feira (21), totalizam 13 nomes de secretários do total de 36 SDRs. A previsão é que até o fim da semana sejam tuitados os nomes de todos os novos secretários.

“Nosso trabalho será para que a SDR tenha atuação para aquilo que foi efetivamente concebida, ser uma agência de desenvolvimento regional. Minha prioridade será fazer uma análise e atualização do Plano de Desenvolvimento Regional, elaborado em 2005”, ressaltou. De acordo com Hinnig, esforços serão concentrados em questões que envolvem melhoria da mobilidade urbana, como humanização das rodovias estaduais que cortam a Capital, integração dos modais do transporte coletivo e ampliação do aeroporto Hercílio Luz.

Atenção especial para educação

A área da educação também receberá atenção especial durante a gestão do novo secretário regional. “Vou me empenhar muito para fazer um excelente trabalho. A intenção é que, em 60 dias, nós já tenhamos um diagnóstico da situação das escolas estaduais, das necessidades e dificuldades estruturais, operacionais e pedagógicas. Queremos também medir o grau de satisfação da comunidade envolvida com a escola para planejar o nosso trabalho”, explicou.

Renato Hinnig tem 56 anos, é auditor fiscal da Fazenda Estadual e foi reeleito para o segundo mandado na Assembleia. Ainda não há uma data específica para que Hinnig assuma a SDR da Grande Florianópolis, mas ele já adiantou que o suplente Edson Andrino (PMDB) ocupará a cadeira vaga na Assembleia. Hinnig também optará pelo salário de parlamentar, no valor de R$ 20 mil, contra os cerca de R$ 10 mil recebidos por um secretário estadual.

Os confirmados na segunda-feira (21)

Joinville: Romualdo França (PMDB)
Chapecó: Eldimar Jagnow (DEM)
Lages: Jurandir Agostini (DEM)
Criciúma: Luiz Fernando Cardoso, o Vampiro (PMDB)
Timbó: Rogério Theis (PSDB)
Tubarão: Haroldo de Oliveira Silva (PSDB)

Secretários confirmados nesta terça-feira (22)

Blumenau – César Botelho (PMDB)
Mafra – Wellington Bielecki (DEM)
Campos Novos – Alcides Mantovani (PMDB)
Concórdia – Paulo Eduardo Pastores (PMDB)
Florianópolis – Renato Hinnig (PMDB)
Itapiranga – Milton Hann (PMDB)
Dionísio Cerqueira – Flávio Berté (PSDB)

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade