Publicidade
Quarta-Feira, 26 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 25º C
  • 19º C

Registros de furtos tem aumento de 60% nos primeiros meses do ano em São José

Metade dos furtos e roubos registrados são no bairro Campinas, Barreiros e Kobrasol, os polos mais comerciais da cidade

Redação ND
Florianópolis
22/02/2018 às 17H23

Atentados contra estabelecimentos vem assustando a comunidade de São José. O número de roubos variou, mas não baixou significativamente nos últimos anos. Se comparado à dezembro, os primeiros dois meses deste ano registraram um aumento de 60% nas ocorrências envolvendo tentativas e roubos na cidade.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, em 2014 foram registrados, aproximadamente, 1.722 roubos. Em 2015 o número subiu para 1.842. Já em 2016 o número teve um aumento ainda mais significativo, passando para 2.242 casos. E, em 2017, a média de casos registrados ficou em 1.978.

Os crimes, antes praticados em cidades afastadas ou de pouca circulação de pessoas, mudaram de local. Segundo dados da polícia, metade dos furtos e roubos registrados em São José são no bairro Campinas, Barreiros e Kobrasol, os polos mais comerciais da cidade.

A Polícia Militar afirma que vem monitorando os locais e horários com maior frequência de crimes para definir as rondas policiais. O sistema de videomonitoramento também tem ajudado a identificar flagrantes de crimes de furto e roubo no município.

Atualmente, São José possui 210 câmeras instaladas que, só em 2018, permitiram a identificação de mais de 70 indivíduos suspeitos e mais de 40 veículos envolvidos em algum tipo de delito.

Mais de 200 câmeras auxiliam na segurança do município - Divulgação/PMSJ/ND
Mais de 200 câmeras auxiliam na segurança do município - Divulgação/PMSJ/ND



Publicidade

1 Comentário

Publicidade
Publicidade