Publicidade
Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018
Descrição do tempo
  • 26º C
  • 19º C

Procon compara preços dos ovos de Páscoa em estabelecimentos de Florianópolis

Analisando os valores listados, diferença entre o mesmo produto pode chegar a 40% entre lojas diferentes

Redação ND
Florianópolis
25/03/2018 às 20H04

Na época da Páscoa é comum familiares e amigos se presentearem com ovos de chocolate e bombons. Uma reclamação muito comum é sobre os preços altos deste tipo de produto durante o período. Para evitar que os consumidores sejam prejudicados pelas empresas nesta Páscoa, o Procon de Florianópolis realizou um levantamento dos preços dos ovos e caixas de chocolates nas principais lojas da cidade nas semanas que antecedem o feriado. Ao comparar os valores, o órgão chegou a conclusão de que a diferença entre os preços pode chegar a 40% de um estabelecimento para o outro.

Páscoa deste ano terá mais lembrancinhas de chocolate - Marco Santiago/ND
Novo levantamento será feito esta semana para acompanhar os reajustes dos valores- Marco Santiago/ND


A lista com os valores foi disponibilizada através do site da prefeitura municipal. Nenhuma das cinco lojas visitadas nesta primeira pesquisa, localizadas no Centro, em Capoeiras e na Costeira do Pirajubaé, foi notificada. Um novo levantamento será feito nesta semana, mais próximo da Páscoa, para acompanhar os reajustes dos valores e alertar a população caso eles sejam excessivos. No entanto, segundo o fiscal do Procon de Florianópolis, Rogério Arlindo, “ao contrário dos outros produtos, o preço do chocolate tende a baixar à medida que se aproxima da Páscoa”.

Analisando a tabela do Procon, é possível calcular a diferença de preço de cada produto listado nos estabelecimentos visitados. Um ovo de 300g pode custar R$ 14 a menos dependendo da loja. João Roberto de Sousa Filho, engenheiro e morador do Saco dos Limões, disse que vale a pena fazer uma pesquisa de preço antes de levar os produtos para casa. “A variação está muito grande. Pesquisei em três lojas antes de comprar os ovos de chocolate. Ainda assim, depois de comprar, encontrei o mesmo produto mais barato em outro local”, contou. 

Preços dos pescados também foram registrados

Os pescados também são muito produrados durante a Páscoa e, assim como os chocolates, tiveram seus valores registrados e disponibilizados em uma tabela para os consumidores pelo Procon de Florianópolis. No início do mês de março, peixarias de Florianópolis foram notificadas pelo órgão, que deu 10 dias para apresentarem as notas fiscais com o valor de compra das mercadorias. O objetivo é evitar que os preços aumentem sem motivos quando mais pessoas passarem a procurar pelo produto com a proximidade da Semana Santa. Uma nova visita aos estabelecimentos foi realizada no sábado (24) e os preços serão repassados ao consumidor.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade