Publicidade
Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 17º C

PRF intensifica fiscalizações para o feriadão de Carnaval a partir desta sexta em SC

Operação da polícia vai até a Quarta-feira de Cinzas e ganhará reforço de 22 policiais de outros Estados

Redação ND
Florianópolis
08/02/2018 às 10H22

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) começa à zero hora desta sexta-feira (9), em todo o Brasil, a Operação Carnaval 2018, que se estende até a meia-noite de Quarta-feira de Cinzas (14). O período é um dos mais críticos do ano, pois conta com grande fluxo de motoristas aproveitando a folga do feriado somado ao de turistas que já estão em férias de verão.

A PRF vai intensificar as fiscalizações no feriadão de Carnaval - PRF/Divulgação/ND
A PRF vai intensificar as fiscalizações no feriadão de Carnaval - PRF/Divulgação/ND



A operação consiste em intensificar ações de policiamento e fiscalização nas rodovias federais a fim de educar, prevenir, manter a normalidade do fluxo de veículos e reduzir o número de acidentes e vítimas no trânsito.

Em Santa Catarina, a PRF ganhará o reforço de 22 policiais rodoviários federais vindos dos estados do Paraná, Acre, Amazonas e do Distrito Federal. Eles serão distribuídos em regiões onde ocorrem festas carnavalescas e atuarão em conjunto com policiais já lotados no estado. A prioridade é fiscalização de rodovias em pontos críticos de risco de acidentes e de maior fluxo de veículos.

No feriadão de Carnaval de 2017, a PRf registrou 170 acidentes em Santa Catarina, com 167 feridos e sete mortes. A expectativa é para que os índices sejam menores neste ano.

De acordo com a PRF, nesta época do ano, o fluxo de veículos aumenta principalmente em regiões de festas tradicionais como Laguna, Grande Florianópolis, Balneário Camboriú, Navegantes, São Francisco do Sul e Joaçaba.

A maior concentração de veículos e prováveis congestionamentos devem ocorrer nesta sexta (9), momento em que as famílias já se preparam para a folga, e na terça (13) e quarta-feira (14), quando os motoristas pegam a estrada no caminho de volta para a casa.

Preocupações

Motoristas dirigindo sob efeito de álcool são uma das principais preocupações dos policiais, que prometem fiscalização ostensiva nas estradas, principalmente nas regiões de festas carnavalescas. Dirigir sob influência de álcool é uma infração gravíssima punida com suspensão do direito de dirigir por doze meses e multa de R$ 2.934. A mesma multa é aplicada ao condutor que se nega a se submeter aos testes. O valor dobra para o motorista reincidente no período de um ano.

A PRF também intensificará a fiscalização das condutas que aumentam o risco de graves acidentes ou que agravam as lesões como ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e falta de equipamentos de segurança (capacete, cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças).

Para melhorar a segurança nas estradas, a PRF também vai restringir o tráfego de alguns veículos de carga em rodovias de pista simples. Caminhões bitrens, cegonhas e veículos com dimensão excedente não poderão circular das 16h às 22h na sexta e na terça-feira; e das 6h às 12h no sábado e na quarta-feira.  

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade